Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

21/03/2013 20:05

Atraso cancela compra de soja por chineses e saca cai até R$ 2 em MS

Nicholas Vasconcelos, Campo Grande News

O cancelamento de compra de 2 milhões de toneladas de soja pela China já reflete em Mato Grosso do Sul, derrubando o preço da saca em até R$ 2. O país asiático cancelou a compra da oleaginosa depois do atraso causado pela falta de infraestrutura brasileira.

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, de 12 navios que seriam enviados com o grão entre janeiro e fevereiro, apenas dois chegaram aos portos chineses. Com o descumprimento do prazo, os compradores resolveram cancelar a compra.

O preço da saca de 50 kg hoje no Estado é de R$ 50, mas com esse cancelamento os preços já começam a cair entre R$ 1 e R$ 2.

A causa desse atraso brasileiro é a falta de infraestrutura nos portos, que operam acima da capacidade.

“É o apagão logístico que já se prevê há muito tempo”, diz o diretor da Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul), Lucas Galvan. Ele explica que seriam necessários investimentos para suprir a necessidade de transporte terrestre e nos portos, mas que demoram até 7 anos.

Mato Grosso do Sul deve colher nesta safra um total de 5,9 milhões de toneladas de soja, conforme previsão da Aprosoja. Até 70% desse total vai ser exportado pelo porto de Paranaguá (PR), apontado como um dos gargalos para o mercado externo.

Uma das saídas seria a armazenagem, que no Estado tem capacidade para 8 milhões de toneladas. A conta não fecha porque além da soja há o milho, que na safra 2012/2013 representou 6 milhões de toneladas, que precisa ser guardado separadamente.

“Mesmo essa capacidade de 8 milhões não está em boa situação, não se consegue utilizar em plenitude”, detalhou Lucas.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)