Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

09/08/2016 06:35

Atlético-MG vence Chapecoense no Horto e assume vice-liderança

Midiamax

 

O Atlético-MG, junto do Corinthians e do rival Cruzeiro, esperou para concluir o primeiro turno do Campeonato Brasileiro nesta segunda-feira e contou com o apoio da torcida no estádio Independência para vencer a Chapecoense por 3 a 1. Carlos César, Robinho e Maicosuel, selaram o triunfo desta noite e garantiram o Galo no G4. Bruno Rangel descontou para os visitantes, ao final da partida.

Com o resultado, a equipe comandada por Marcelo Oliveira alcançou a quinta vitória consecutiva, chegou a 35 pontos, um a menos que o atual líder Palmeiras e contou com o empate entre o Timão e a Raposa para garantir o segundo lugar. Já o Alviverde de Chapecó estacionou na 11ª colocação, com 24 pontos.

Pela abertura do returno, a equipe mineira tem um verdadeiro desafio pela frente, pois encara o Santos na Vila Belmiro, em duelo que será realizado no próximo domingo, enquanto o Verdão do Oeste volta a campo somente na próxima segunda, quando recebe o Internacional, em Santa Catarina.

O Botafogo não entrou em campo pela 19ª rodada, mas terá que esperar ainda mais para disputar o confronto contra o Grêmio, adiado para o dia 4 de setembro.

O jogo – Apoiado pela apaixonada torcida do Horto e com moral após quatro vitórias seguidas, o Atlético-MG começou o confronto deste início de semana mostrando que estará na briga pelo título do Brasileirão. Dominando o meio-campo, emplacando boas jogadas, principalmente com o auxílio dos laterais, e enfrentando um time que teve muitas dificuldades para segurar a pressão, o Galo deu um show às arquibancadas e selou a vitória logo na primeira etapa.

No entanto, por se projetar demais ao ataque, acabou cedendo espaços principalmente para o talentoso meia Hyoran e levou alguns sustos nos primeiros instantes do duelo. Aos 13 minutos, Kempes recebeu do jovem atleta e cabeceou entre os zagueiros; a bola tirou tinta da trave defendida por Victor.

Melhor no encontro, o Alvinegro não tardou a abrir o placar e o fez aos 20 minutos com o lateral direito Carlos César, que estava em noite inspirada; em bela jogada trabalhada por Robinho e Maicosuel, que contou com um lance de garra do meio-campo, Leandro Donizete recebeu e cruzou. Fred escorou, Pratto furou, mas o defensor conseguiu anotar.

Daí em diante, o jogo esfriou e as equipes já não conseguiam ser tão incisivas na hora de concluir as ofensivas, abusando de chutes de média e longa distância, sem sucesso. A Chape quase conseguiu estragar a festa atleticana, com Thiego estufando as redes em cabeceio, mas o juiz marcou impedimento do zagueiro.

A partir dos 30 minutos, os donos da casa voltaram a embalar no confronto. Apresentando o futebol intenso dos minutos iniciais, o Galo quase ampliou com Pratto desviando de carrinho, obrigando Danilo fez grande defesa, e conseguiu o segundo tento contando com a estrela de Robinho. Após confusão na área, Fábio Santos rolou para o camisa 7, que acertou um belo chute de bico, guardando a bola no cantinho, aos 42 minutos.

Com a vantagem tranquila e mais qualidade técnica, o Alvinegro fez um segundo tempo equilibrado, prezando por obter o controle da partida com bons toques, muita posse de bola, mas sem tanta garra para buscar o terceiro gol. Além disso, acabou passando por momentos de desatenção e cedeu alguns contra-ataques para os catarinenses, que por sua vez, não conseguiam apresentar grandes problemas para o goleiro Victor.

Em busca de mais ação no confronto, a torcida mineira pedia incessantemente a presença do atacante Luan. Marcelo Oliveira atendeu e a aposta vinda do banco de reservas rendeu. Aos 34 minutos, o “Menino Maluquinho” recebeu belo passe de letra de Robinho, acionou Maicosuel dentro da área e o meia fechou a contagem.

No entanto, apesar de estar nas graças da torcida e já colaborar para a vitória atleticana, Luan sentiu uma fisgada na parte posterior da coxa esquerda, 13 minutos depois de entrar, e acabou sendo substituído por Clayton.

Já com a vitória do Galo garantida, a Chapecoense acabou fazendo o gol de honra aos 45 minutos, com o artilheiro Bruno Rangel cabeceando após cruzamento na medida de Gil. Sem tempo para mais nada, o resultado não foi alterado: vitória do Atlético por 3 a 1, em Belo Horizonte

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-MG 3 X 1 CHAPECOENSE-SC

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Data: 8 de agosto de 2016, segunda-feira

Horário: 20 horas (de Brasília)

Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (PE)

Assistentes: Clóvis Amaral da Silva e Cleberson do Nascimento Leite (ambos do PE)

Público: 17.484

Renda: R$729.930,00

Cartões amarelos: Lucas Gomes (Chapecoense)

Gols:

ATLÉTICO-MG: Carlos César aos 20, Robinho, aos 42 minutos do primeiro tempo e Maicosuel, aos 34 minutos do segundo tempo

CHAPECOENSE: Bruno Rangel aos 45 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-MG: Victor: Carlos César, Leonardo Silva, Erazo e Fábio Santos; Rafael Carioca, Leandro Donizete e Maicosuel (Carlos); Robinho, Fred e Lucas Pratto (Luan) (Clayton)

Técnico: Marcelo Oliveira

CHAPECOENSE: Danilo; Gimenez, Willian Thiego, Filipe Machado e Dener Assunção; Gil, Josimar, Cleber Santana e Hyoran (Bruno Rangel); Tiaguinho (Lucas Gomes) e Kempes (Martinuccio)

Técnico: Caio Júnior

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 25 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)