Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/08/2010 01:42

Atlético-GO empata com o Bugre e segue na lanterna

GE.net

No primeiro jogo após a demissão de Roberto Fernandes, o Atlético-GO até começou bem, mas cedeu espaços ao Guarani e acabou empatando por 1 a 1. A igualdade mantém o Dragão na última colocação do Campeonato Brasileiro, com apenas oito pontos ganhos em 12 rodadas. Já o Bugre segue na metade da tabela.

O time da casa abriu o marcador logo aos quatro minutos, com Rodrigo Tiuí. Pouco depois, Mazola deixou tudo igual e o placar não se movimentou mais. No último lance do primeiro tempo, Tiuí perdeu a chance do jogo e perdeu gol incrível, sem goleiro. No fim do jogo, a torcida não perdoou e vaiou a equipe.

Na 13ª rodada, o Atlético-GO jogará fora de casa, no Castelão, contra o Ceará. Por sua vez, o Guarani receberá o Avaí, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

O jogo - A saída do técnico Roberto Fernandes após apenas quatro partidas no comando do Atlético-GO causou estranheza a muita gente. Há quem diga que o treinador não gozava de prestígio por parte dos atletas, tese que ganhou força com o bom início da equipe contra o Guarani, sob comando do auxiliar-técnico Reinaldo Gueldini.

Marcando a saída de bola sob pressão, os donos da casa abriram o marcador logo aos quatro minutos, quando Thiago Feltri cruzou na cabeça de Rodrigo Tiuí, que não perdoou. À frente no placar, a equipe continuou tomando a iniciativa, mas o Guarani conseguiu acertar o posicionamento e equilibrou o jogo.

Com duas mudanças forçadas, as dificuldades da equipe campineira restringiram-se ao sistema defensivo que tinha a volta de Apodi na vaga do suspenso Rodrigo Heffner e Rodrigão no lugar de Aílson, também suspenso. No ataque, a estrela de Mazola brilhou novamente e ele marcou seu terceiro gol no campeonato aos 17 minutos, com um lindo chute após jogada individual.

O jogo seguiu equilibrado, mas os mandantes mantiveram-se mais perigosos. Jogando em linha, a defesa do Guarani cedeu duas boas oportunidades aos rubro-negros. Na primeira delas, aos 35, Douglas evitou que a bola cruzada por Pedro Paulo encontrasse Rodrigo Tiuí. No último lance do primeiro tempo, Tiuí conseguiu passar pelo arqueiro bugrino, mas foi traído por uma depressão do gramado e perdeu um gol inacreditável.

No intervalo, Vagner Mancini tentou corrigir o posicionamento da defesa bugrina trocando um volante pelo outro, com Maycon no lugar de Paulo Roberto no meio-campo. Os visitantes diminuíram os espaços concedidos e Reinaldo Gueldini agiu rápido, com a entrada de Juninho no lugar de Pedro Paulo.

Com a partida ainda equilibrada, os dois treinadores apostaram em mudanças no ataque. No Dragão, a força de Marcão substituiu a velocidade de Rodrigo Tiuí. No Guarani, o jovem Diogo deu lugar a Ricardo Xavier, que vinha sendo titular e demonstrou vontade de retomar a posição logo em sua primeira participação, quando deu bom passe para Mazola, que finalizou duas vezes e exigiu duas ótimas intervenções de Márcio.

Aos 25, Robston deixou o gramado com dificuldades para respirar após uma pancada e Gueldini promoveu a estréia de Carlinhos Bala, que é atacante mas atuou mais recuado, como armador. No minuto seguinte, o Guarani também fez sua última mudança e Fábio Souza entrou na vaga do sumido Mário Lúcio.

Daí para frente, o Guarani assumiu uma postura excessivamente defensiva, que acabou dando certo, já que o adversário não conseguiu aproveitar a posse de bola para pressionar e pouco finalizou. Numa das únicas vezes em que isso aconteceu, Douglas fez bela defesa após cabeçada de Marcão.

Na base do contra-ataque, apostando na velocidade de Mazola, o Guarani ainda assustou os torcedores no Serra Dourada. Aos 39, o atacante bateu com perigo, à direita do goleiro. No lance seguinte, ele cruzou para trás e Renan, sozinho, mandou por cima, perdendo a última chance de tirar a igualdade do placar, o que aconteceria se a arbitragem não tivesse marcado impedimento equivocado, em lance que culminou em gol de Marcão.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)