Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

10/09/2007 16:13

Ataque de ferrugem branca do nabo em Chapadão do Sul

Na área experimental, da Fundação Chapadão, foram semeados acessos de nabo de diversas procedências da região, com o intuito de selecionar um material com as melhores características, como produtividade, precocidade e maior rendimento de óleo, para a produção de biodiesel. Segundo o Eng. Agrônomo Jefferson Luís Anselmo, responsável pelo ensaio, esses acessos foram obtidos de áreas de produtores que usam a sua própria semente, sendo classificados e separados por critérios como coloração de hastes e vagens e duração do ciclo, não se tratando, portanto, de cultivares comerciais.
O experimento foi irrigado, para garantir o desenvolvimento da cultura nesse período de entressafra, acometido por grande período de estiagem (Figura 1).
A Pesquisadora e responsável pelo laboratório de diagnose de doenças de plantas da Fundação Chapadão, Dra. Donita Andrade, identificou, recentemente, a ocorrência de ferrugem branca, nesses acessos de nabo, doença causada pelo fungo Albugo candida.
Segundo a pesquisadora essa doença, apesar de ser conhecida como ferrugem, não é uma ferrugem verdadeira, pois tem como agente causal um fungo pertencente a uma classe completamente diferente daquela na qual fazem parte os fungos que causam sintomas de ferrugem na soja, no milho, no algodão, na cana, entre outros. Recebe esse nome, apenas pelos sinais da doença nos hospedeiros, que são facilmente reconhecidos pela grande massa pulverulenta de esporos produzidas nos soros (semelhantes às pústulas das ferrugens verdadeiras), que se desenvolvem principalmente na face inferior das folhas. Os pecíolos, inflorescências, vagens e hastes da planta também podem ficar tomadas pela doença, apresentando deformações (Fotos 2 e 3). A esporulação do fungo é tão abundante que, ao se balançar a planta atacada, percebe-se uma nuvem de pó branco, saindo da mesma. Foi feita uma avaliação da reação dos materiais testados quanto à intensidade da doença, e não foram encontradas, entre estes, fontes de resistência, apenas tolerância diferenciada entre materiais. Após a colheita é que vai ser possível inferir se há ou não algum material tolerante à ferrugem branca, lembrando que um hospedeiro é considerado tolerante à determinada doença, quando não sofre reduções significativas de produtividade na presença da mesma.



Ms Noticias

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)