Cassilândia, Quinta-feira, 23 de Março de 2017

Últimas Notícias

24/10/2008 22:07

Assessora recorre ao STF para evitar exoneração

Danilo Macedo /ABr

Brasília - Para não ser exonerada sob alegação de nepotismo, a assistente parlamentar Taciana Pradines Coelho, irmã da chefe de gabinete do senador Mário Couto (PSDB-PA), ajuizou um mandado de segurança preventivo no Supremo Tribunal Federal (STF).

Segundo uma funcionária do gabinete do senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG), para o qual Taciana trabalhava, no entanto, ela foi exonerada ontem (23), mesmo dia em que teria acionado o STF. Como a assistente parlamentar já foi exonerada, o caso será analisado, a partir de agora, pela ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha.

A ministra do STF, relatora do caso, deverá decidir se arquiva a ação, já que a funcionária foi exonerada, ou se determina seu retorno ao gabinete do senador mineiro. O advogado de Taciana diz que o caso não se configura em prática de nepotismo, na medida em que sua cliente não foi nomeada por sua irmã e não trabalha no mesmo gabinete, nem há ajuste de designação recíproca com outro senador, o chamado nepotismo cruzado.

Depois de 86 exonerações, a comissão criada para examinar a prática de nepotismo no Senado deu por encerrado seu trabalho para cumprir a Súmula 13 do STF, que proíbe a contratação de parentes nos Três Poderes da República.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 23 de Março de 2017
Quarta, 22 de Março de 2017
21:53
Cassilândia
20:41
Loteria
Terça, 21 de Março de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)