Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/04/2006 15:56

Assembléia: Enfermeiros pedem apoio para reduzir jornada


Trabalhadores em enfermagem defendem a redução da jornada de trabalho. O representante da categoria, João Alves Ribeiro, ocupou a tribuna do Plenário Júlio Maia, no Palácio Guaicurus, para pedir o apoio dos deputados à reivindicação da categoria. O Projeto de Lei 161 será votado no dia 17 de maio pela Câmara dos Deputados.

Ribeiro pediu o apoio dos deputados para viabilizar oito ônibus para levar os trabalhadores sul-mato-grossenses para a Marcha Nacional dos Anjos de Branco, que pressionará os parlamentares pela aprovação da proposta. O projeto estabelece a jornada de trabalho dos auxiliares, técnicos e enfermeiros em 30 horas semanais.

Conforme Ribeiro, alguns trabalhadores do setor de emergência da Santa Casa de Campo Grande chegam a trabalhar até 54 horas semanais. Ele citou que projeto semelhante foi aprovado na Assembléia do Mato Grosso, quando tiveram o apoio dos deputados Celina Jallad (PMDB) e Maurício Picarelli (PTB) para participar da manifestação.

O deputado Antônio Carlos Arroyo (PL) lembrou que a Assembléia de Mato Grosso do Sul já aprovou decreto legislativo que autoriza o Poder Executivo a reduzir a jornada dos trabalhadores da área de enfermagem para 36 horas. A proposta foi aprovada em 11 de maio de 1999.


Agência de Notícias do Legislativo - ANL
Edivaldo Bitencourt

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)