Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

09/02/2004 14:57

Assembléia começa a discutir a mudança do nome de MS

assessoria

A Assembléia Legislativa realiza na próxima quarta-feira, dia 11 de fevereiro, a partir das 9h30min, reunião para debater a mudança do nome de Mato Grosso do Sul. A discussão foi proposta pelo deputado Pedro Kemp, do PT, que na quarta-feira da semana passada anunciou sua adesão ao movimento pela mudança do nome do Estado..

O objetivo do parlamentar é ouvir entidades que já trabalham na proposta e também de iniciar a organização de uma consulta popular ampla e com caráter pedagógico. Entre os argumentos para a mudança do nome do Estado, o deputado petista menciona o fato do nome ‘Mato Grosso do Sul’ não ter se firmado de modo a diferenciar os sul-mato-grossenses dos habitantes de mato-grosso. “Além dos transtornos econômicos, perdemos com isso, durante 26 anos de existência do MS, a oportunidade de termos uma identidade nítida e clara diante do resto do país e no contexto internacional; principalmente quanto às nossas características econômicas e culturais, quanto à representação de valores próprios do nosso povo”, afirma o deputado Pedro Kemp, lembrando que além dos aspectos comerciais e políticos a cultura do sul-mato-grossense também sofre grande prejuízo.

Para o deputado “é importantíssimo agregar a um debate dessa dimensão o caráter cultural que a mudança do nome do Estado evoca, de modo a reafirmar ainda mais a estima do povo do nosso Estado”. Kemp acredita que ainda somos considerados por alguns um apêndice do estado vizinho e, para outros, sequer existimos no contexto dos estados da federação.

“Temos riquezas naturais, grandes potencialidades econômicas e um extraordinário conjunto de valores culturais. Precisamos agora fortalecer nossa identidade enquanto povo e dar visibilidade ao que temos e somos”, afirma. Para Pedro Kemp, a manifestação do presidente da República - que em companhia do governador José Orcírio Miranda dos Santos na missão oficial à Índia pôde observar a seriedade da proposta - , sinaliza para a retomada do movimento, via setores econômicos (do turismo e da produção), da educação e da cultura, e principalmente o político, com o envolvimento da Assembléia Legislativa. “A Assembléia Legislativa não pode ficar de fora da discussão sobre a mudança do nome do Estado de Mato Grosso do Sul. E, sem dúvida ela reúne todas as condições para colaborar, pela sua representatividade, para um debate democrático que alcance toda a sociedade”, afirma o parlamentar.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)