Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

30/11/2007 13:05

Artuzi apresenta 2 deputados e advogado como testemunhas

Paulo Fernandes/Campo Grande News

O deputado estadual Ari Artuzi (PDT-MS), que tem até segunda-feira para apresentar sua defesa à ação movida pelo PMDB pedindo o mandato do parlamentar, irá arrolar como testemunhas os deputados estaduais Marcos Trad (PMDB) e Pedro Kemp (PT) e o advogado Nery Azambuja.

Artuzi alega que foi vítima de perseguição política e pessoal no partido. A defesa - segundo Artuzi, que participa hoje do Congresso Estadual do PDT na Assembléia Legislativa - ainda não foi entregue ao TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral).

Trad e Kemp, conforme Artuzi, são testemunhas de que o governador André Puccinelli (PMDB) o teria chamado de “animal de pêlo curto”. Puccinelli diz que nunca chamou Artuzi dessa maneira, mas que já usou essas palavras para se referir a outras pessoas. Segundo o governador, “animal de pêlo curto” é uma referência a homens e mulheres, sem qualquer sentido ofensivo.

Já Nery Azambuja é testemunha de que Puccinelli teria apontado o dedo para a boca do deputado, mostrando a ausência de um dente. Artuzi diz que se sentiu constrangido com a atitude. O caso ocorreu, ainda conforme o parlamentar, em Ponta Porã no mês de julho.

Artuzi também argumenta que era perseguido por membros da cúpula do PMDB douradense como o presidente do partido, Marçal Filho, e o vereador Eduardo Marcondes. “Eles queriam me deixar de lado no partido”, afirma. O advogado que defende Artuzi é Renê Siufi.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 25 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)