Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/07/2007 05:57

Artigo: Hoje sou "aquela pessoa" que não está na Festa

Bruna Colagiovanni Girotto

Quando lembro de minha infância, e isso atinge desde meus 5 anos de idade, eu nunca faltei uma Festa do Peão de Cassilândia.
No início, adorava o parque. Era pula pula, tromba-tromba, carrossel, centopéia. Mais tarde foi o barco viking e o samba. Nunca fui muito fã do trem fantasma e nem do kamikaze. Na verdade, sempre fui medrosa mesmo.

Quando entrei na adolescência, as barracas começaram a ser mais interessantes do que o parque. Enfeites para cabelo, pulseiras, brincos e mais uma porção de coisas que era possível encontrar nas barraquinhas, me atraiam.

Com o amadurecimento, a barraca dos jovens, aquela que sempre tem música e animação após o rodeio, entrou na minha vida. Quantas vezes as pessoas que participam do desfile do aniversário da cidade, "viraram" a noite naquela barraca para desfilar nos caminhões, no domingão ensolarado? Muitas histórias...

Agora que estou longe, pela primeira vez, tudo voltou na minha mente. Vou ser sincera a vocês. Quando ia à Festa do Peão, meu pai sempre me dizia da importância da Rádio Patriarca "narrar" o rodeio para as pessoas que não podiam ir. Eu, para ser bem sincera, nunca entendi muito bem qual seria a emoção daquela pessoa, que não podia ver o boi pulando e o peão caindo, ao ouvir a narração do rodeio.

Hoje, pela primeira vez, sei descrever o que "aquela pessoa" sentia. Hoje posso dizer que sou "aquela pessoa". Por intermédio da Rádio Patriarca, pela voz do Lucimar, do Pamplona, do Gás, da Izabel e dos narradores do rodeio, posso sentir a emoção de toda a Festa. Realmente, como acabou de dizer o Lucimar pela Rádio (que estou ouvindo agora pelo site Cassilândia News), "é a Patriarca, levando todas as emoções dessa grande festa até você."

E realmente consegue levar. Sinto, daqui de Campo Grande (MS), o cheiro da poeira no ar, a fumaça do churrasquinho naquela descida, o Azulão gritando 'quina de 1 real, 1 real na quina', as pessoas tirando fotos com a "zebrinha", a barraca de maçã do amor na beira da rodovia, pessoas comendo churros, crepes e algodão doce. Sem contar, a criançada doida por aqueles apitos que parecem um barulho de gato apanhando no saco. Principalmente, lembro da imagem da arena lotada, dos shows e as barracas que tocam músicas após o rodeio, animadíssimas.

Fico feliz que a modernidade tenha trazido a internet. Realmente, a internet encurta a distância.

Boa Festa do Peão a todos. Tanto aos que estiverem em Cassilândia, quanto àqueles que optarem pela Rádio Patriarca "virtual".


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)