Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

15/10/2011 18:48

Artigo: É justo que os pais ajudem seus filhos financeiramente? Qual é o limite?

Terezinha Tagliaferro, de Malta

Este é um assunto que nos faz refletir muito, principalmente para aqueles pais que vieram de familia mais humilde, que venceram na vida a custa de sacrificios, que souberam batalhar;para aqueles que; nao existia domingo e nem feriado, que nao fizeram \\\"corpo mole\\\" diante das dificuldades que a vida oferecia gratuitamente.O que acontece nestes casos é que os pais nao desejam que os filhos atravessem as mesmas dificuldades que eles encontraram e fazem de tudo pra dar o conforto que a eles, no seu tempo faltaram.Desta maneira, muitas vezes,vai acontecer de nao preparar bem seu proprio filho pra enfrentar a vida.
E muito dificil achar o meio termo e por vezes se chega mesmo a sair do limite, até que chega o dia, no qual o pai percebe que nao era bem isso que ele desejava, e infelizmente é um pouco tarde pra voltar atras. Este é um tipo de formaçao que se da desde o nascimento.E justo darmos conforto ao filho, mas é justo também fazer com que ele entenda que o dinheiro é fruto do trabalho honesto e que aprenda a valorizar.
Os pais devem agir com sabedoria e ensinar o filho \\\"a pescar e nao apenas a comer o ja pescado\\\".
Enquanto o filho nao entender tudo isto, ele acha que a vida é facil, que o dinheiro se multiplica sozinho e começa a exigir mais e mais.Vai acontecer como fazia minha filha quando era pequena.Um dia, ela pediu ao pai pra comprar um brinquedo, este vendo que nao era necessario disse que nao tinha dinheiro.Sabem qual a resposta dela? Da um cheque....
O pior de tudo isto é que se o filho entrar na justiça porque os pais tem dinheiro e nao querem satisfazer suas vontades, sabe o que acontece? A justiça da razao ao filho....Vejam esta historia que tive a oportunidade de acompanhar esta semana num programa de TV, que tem validade juridica.
O sr. Antonio, ja de uma certa idade, levou no \\\"FORUM\\\" seu filho e a nora, dizendo o seguinte:
- A semana passsada, estava jogando com meu neto, que é a minha grande alegria, quando de repente ele me pergunta: - Vovo, quando o senhor vai morrer? - Por enquanto, nao tenho nenhuma intençao, respondeu ele. Por que?
Porque meu pai e minha mae disseram que nao veem a hora que isto aconteça, pra eles pegarem a sua herança e viverem mais comodamente.
Pois bem, ai o sr. Antonio explicou toda sua historia.Disse que temia pela sua vida, pois agora, vai muito de moda, matar os proprios pais para obter a herança mais rapido.
O sr. Antonio foi uma pessoa que lutou muito pra ter o pouco que tem.Ele conseguiu possuir 2 casas e um terreno.Seu filho unico fazia a faculdade e o sr Antonio estava feliz com o progresso do filho.Depois ele encontrou o amor da vida dele, Julia engravidou e ai seus projetos foram por agua abaixo.O filho decidiu se casar e nao continuou os estudo como era o desejo do pai.Diante desssa situaçao a esposa do sr. Antonio, praticamente, o obrigou a doar uma das casas ao filho porque este nao tinha condiçoes de comprar.
Este filho além de ganhar a casa do pai, ainda pede ajuda financeira para todas as difuldades que vao surgindo no dia a dia.
Quando o sr. Antonio explicou a vida de luta que ele fez,contou todo tipo de trabalho que ele enfrentou, que trabalhou até mesmo nos domingos e feriados, sabem qual foi a resposta do filho e da nora???
- Isto acontecia no seu tempo, agora os tempos sao outros...
Eu pergunto.... Mas, sera que o mundo mudou tanto assim???Nos nao continuamos a comer, vestir e exigir o conforto? Os mesmos trabalhos que existia antigamente continuam a existir. Entao, o que é que mudou? E eu repondo: Mudou a forma de ganhar o dinheiro, sabem porque? Todos querem ganhar bem, mas com conforto, sem precisar sujar as maos ou gastar suas energias.Ninguém mais quer saber do trabalho grosseiro,bruto e duro.Aqui, na Europa, isso é palpavel.Justo por este motivo que se aceita e convive com os extra-comunitarios.
Bom, voltando a nossa historia, sabem qual foi a decisao do juiz? Deu razao ao filho e a nora, e ainda classificou o sr. Antonio como avarento, sendo que a ultima sentença do juiz foi a seguinte: Sr. Antonio, o sr, esta no final de sua vida, o futuro depende dos jovéns.....
Nem é preciso dizer que fiquei decepcionada porque se o futuro depende dos jovéns, que tipo de formaçao estamos dando a eles??? De cruzarem os braços e ficar usufluindo do trabalho honesto dos pais? Mas que raça de futuro é esse?Jovéns que nao sao capazes de caminhar com suas proprias pernas? Do meu ponto de vista nao passam de parasitas.....nao sei como voces pensam, mas experimentem a refletir.
Acho que o filho deve ser ajudado, sim, desde que ele se esforce e progride, que saiba colocar seus objetivos e caminhar na direçao deles.
Pra vencer na vida é preciso de 3 coisas: fixar a meta, batalhar e rezar.Veja bem, tem pessoas que pensam que so rezar é suficiente e ainda culpam Deus pelos seus falimentos.Justo ai que esta o problema...é preciso coragem e nao parar, caminhar sempre...

Terezinha de Jesus Tagliaferro










O Cassilandianews não se responsabiliza por artigos ou opiniões com autoria

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)