Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/05/2011 09:52

Artigo: Depois da morte de Bin Laden...

Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves

Perplexo, o mundo vive a grande ressaca da morte de Bin Laden, transformado no temido inimigo público
número um do Ocidente, após os ataques de 11 de setembro de 2001. Os norte-americanos – especialmente os
novaiorquinos – que, aterrorizados, sentiram sua ação sobre a própria cabeça e em cima do orgulho nacional,
comemoraram o seu extermínio. Esqueceram-se, até, dos requisitos de comedimento humanitário e da não-vingança que as sociedades pregam, muitas vezes hipocritamente. Festejaram a morte, mesmo com toda a contradição que isso traz e, agora, certamente entrarão num período de autocrítica e, finalmente, retornarão à normalidade da suas vidas.
A magnitude do agravo cometido pelo extinto e suas continuadas ameaças podem até justificar os possíveis
excessos post-mortem. Mas os americanos e o próprio mundo não devem perder a oportunidade de estudar, com a maior profundidade e responsabilidade, todos os aspectos e pormenores causadores do problema. Analisar à exaustão e com todos os recursos disponíveis, as origens, a vida e as teses defendidas pelo mega-terrorista e, principalmente, as variáveis que o levaram a adotar o tresloucado radicalismo quando, sabidamente, possuía cultura e recursos suficientes para viver bem em qualquer parte do mundo.
Toda grande ruptura deve servir como exemplo e alavanca para o progresso da humanidade. Embora a morte de
Bin Laden não represente o fim de sua rede terrorista – que pode retaliar, conforme admitem as próprias
autoridades norte-americanas -, pode ser o oportuno ensejo para mobilizar sem paixão as inteligências mundiais no estudo do comportamento, cultura e desejos de nações, blocos, instituições e religiões, com o objetivo de buscar as convergências e mitigar as divergências. A observação do conjunto de interesses, das possibilidades e a projeção de possíveis somas de propósitos conciliatórios de forma a evitar o confronto é do mais alto interesse da humanidade, vítima constante dos fundamentalismos e intolerâncias.
O planeta é, frequentemente, sacudido por atentados e comportamentos violentos justificados por questões
étnicas, religiosas, políticas e econômicas. São milhares de vidas que se interrompem prematuramente, para
sofrimento de famílias, cidades, países e da população como um todo. É preciso buscar, incessantemente, o ponto de equilíbrio e a via pacífica.
Bin Laden matou quase 3 mil norte-americanos nos ataques de dez anos atrás. Agora os norte-americanos o
mataram. O mundo tem o dever de trabalhar para evitar que na sequencia venham seus seguidores a matar e as idas e vindas não tenham fim. É preciso lembrar que, mesmo as mais extremadas facções e países dizem agir em busca da paz. Logo, a paz é o objetivo e a guerra deve ser a exceção. Que o mundo trabalhe, com todo vigor e competência, pela paz... Só pela paz, jamais pela guerra...

Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves – dirigente da ASPOMIL (Associação de Assist. Social dos Policiais Militares de
São Paulo)
aspomilpm@terra.com.br

Dados do Autor:
Dirceu Cardoso Gonçalves – tenente-PM
RG nº 5301.573-SP
aspomilpm@terra.com.br

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)