Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

11/04/2005 12:49

Arroba tem defasagem de R$ 5, diz Famasul

Fernanda Mathias e Aline Rocha / Campo Grande News

A defasagem no preço pago hoje pela arroba bovina em Mato Grosso do Sul é de R$ 5,00 em relação ao custo de produção, segundo o presidente da Famasul (Federação da Agricultura de Mato Grosso do Sul), Leôncio de Souza Lima. A declaração foi feita na manhã desta segunda-feira, em audiência na Assembléia Legislativa que discute o mercado da carne.
De acordo com ele, os gastos para criar e terminar o animal são de R$ 56,00 por arroba enquanto a remuneração hoje é de R$ 51,00. Este valor é 13,5% menor que o pago em novembro último de R$ 59,00.
O setor cobra maior divisão de ganhos dos frigoríficos e varejo com a produção. Brito afirmou que esta semana serão feitas articulações junto ao SIC (Sistema de Informação da Carne) para mobilizar o consumidor a cobrar a redução de preços da carne nos supermercados, uma vez que a indústria também alega que é o varejo que tem margem excessiva.
José Batista Júnior, do Friboi, negou que existe formação de cartel pelos frigoríficos, denúncia que foi encaminhada pela CNA (Confederação Nacional de Agricultura) à Secretaria Nacional de Defesa Econômica no dia 16 de março. Ele afirma que não existe uma tabela comum de deságios e que a indústria teria somente estabelecido uma tabela de classificação que selecionasse os produtos exigidos pelo mercado externo.
A audiência pública é promovida por conclamação do presidente da Comissão de Agricultura e Pecuária da Assembléia Legislativa, deputado Paulo Corrêa (PL).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)