Cassilândia, Sexta-feira, 24 de Março de 2017

Últimas Notícias

15/03/2007 07:09

Arquivada ação movida pelo Estado para receber 60 reais

Patrícia Panpini - TJ/GO

O juiz Ari Ferreira de Queiroz, da 3ª Vara da Fazenda Pública Estadual de Goiânia, indeferiu hoje (14) petição inicial de ação de execução fiscal movida pelo Estado de Goiás contra a Expresso Daera Ltda em razão de uma dívida de R$ 20,69 que, atualizada e acrescida de juros, chega a R$ 61,31. O magistrado entendeu que ocorreu falta de interesse de agir vez que os gastos com a tramitação da ação - considerando desde o trabalho do seu procurador aos serviços judiciais, incluindo locomoção de oficial de justiça e o tempo do magistrado - seria muito maior que o valor a ser recebido pelo Estado.

"É manifesta a falta de interesse de agir neste caso, especialmente considerando a desproporção entre o tamanho do Estado e a importância reclamada. Assim registro porque, evidentemente, se se tratasse de uma execução em curso perante o juizado especial, promovida por pessoa de baixo poder aquisitivo, naturalmente o desfecho seria outro", comentou o juiz, lembrando também que a execução em questão poderia até mesmo ser comparada "com o comportamento daquele que, temendo ser furtado de determinado bem, emprega equipamentos de segurança e vigilância em valores muito maiores".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 24 de Março de 2017
Quinta, 23 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 22 de Março de 2017
21:53
Cassilândia
20:41
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)