Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/06/2004 22:13

Argentina admite equívoco no embargo à carne brasileira

Adriano Gaieski/ABr

O ministro interino da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Linneu Costa Lima, confirmou hoje ter recebido de seu colega argentino, Miguel Campos, a informação de que o embargo da Argentina à importação de carnes brasileiras ocorreu por um equívoco provocado pela imprensa daquele país. As notícias publicadas sobre o foco de aftosa no Brasil teriam confundido Pará (no Norte), com Paraná (no Sul).

Costa Lima também informou, por nota oficial, que seu colega argentino determinou ao Serviço Nacional de Qualidade e Sanidade Agroalimentar (Senasa) a análise imediata dos documentos relativos à descoberta de um foco do foco de febre aftosa no município de Monte Alegre, no Pará, divulgado na última quinta-feira, dia 17.

Novas informações foram enviadas ontem à Argentina. Os documentos foram transmitidos por correio eletrônico, fax e correio aéreo. Miguel Campos, em Buenos Aires, e a Embaixada Argentina em Brasília confirmaram o recebimento dos documentos.

A informação prestada ontem pelo conselheiro da Embaixada da Rússia em Brasília, Alexey Labetski, ao ministro Costa Lima, de que a suspensão do embargo às carnes brasileiras seria anunciada hoje, não se confirmou. Labetski disse ao ministro brasileiro que seu governo pediu informações complementares sobre o foco de aftosa no norte brasileiro. Por telefone, Às 12h (hora de Brasília, 19 horas, hora da Rússia), a conselheira Kátia Gilabert, responsável pela área agrícola da Embaixada Brasileira em Moscou, disse ao ministro Costa Lima não ter recebido nada das autoridades russas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)