Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/09/2005 07:55

Árbitro é agredido ao deixar sede da PF em São Paulo

Humberto Marques/Campo Grande News

A saída do árbitro Edílson Pereira de Carvalho da sede da Superintendência da Polícia Federal, em São Paulo/SP, foi menos tranqüila do que se esperava. Em meio a uma multidão de jornalistas, Carvalho foi agredido, na madrugada de hoje, por um torcedor vestido com uma camisa do Corinthians. Identificado apenas como Eliseu, o agressor disse aos gritos que o árbitro “tinha de vestir cor de rosa, e não preto. Você roubou o Corinthians”.

Após o fato, Carvalho entrou em um veículo onde estavam a esposa, a filha e um amigo, segundo informações do Portal Terra. O árbitro é acusado de fraudar resultados do Campeonato Brasileiro, para favorecer apostadores de sites ilegais. Edílson de Carvalho apitou 11 partidas pelo Brasileirão e, em depoimento, admitiu ter manipulado oito delas, em benefício do empresário Nagib Fayed, que participava das apostas.

“Em casa” – Ao ser liberado na noite de ontem, o empresário Nagib Fayed disse que a sede da PF “foi uma segunda casa” para ele. Ele e Carvalho ficaram cinco dias detidos no local e, como não foi solicitada prorrogação da prisão temporária, acabou solto. “O que ele quis dizer que é que ele foi bem tratado e que essa passagem não foi traumática”, apressou-se em explicar o advogado do empresário, Cássio Paoletti.

Fayed é acusado de ser um dos chefes do esquema de apostas e fraudes nos campeonatos Paulista e Brasileiro, fato que é refutado pelo empresário. “Não fiz nada. Sou apenas um apostador e perdi dinheiro com tudo isso”, relatou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)