Cassilândia, Quinta-feira, 01 de Outubro de 2020

Últimas Notícias

13/10/2003 07:56

Aprovado exame de vítimas do césio em Goiás

Agência Câmara

Os funcionários da Vigilância Sanitária e os integrantes das Forças Armadas, da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros de Goiás que foram expostos às radiações do césio 137, no exercício de suas atividades, deverão ser submetidos a exame para comprovar se foram vítimas do acidente ocorrido em 1987. É o que determina o Projeto de Lei 816/03, do deputado Sandes Júnior (PPB-GO), aprovado pela Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara Federal.
O projeto altera a Lei 9425/96, que concede pensões especiais às vítimas do acidente nuclear ocorrido em Goiânia. A tragédia foi provocada por uma peça abandonada de 120 quilos que continha césio 137, pertencente a um antigo laboratório.

DIREITOS
"Nesse triste acidente, várias vítimas foram detectadas e tantas outras ainda não receberam, por parte do Estado, os devidos direitos e tratamentos. Os policiais militares, do Corpo de Bombeiros e das Forças Armadas foram os primeiros a terem atuação direta, sem nenhum tipo de equipamento; apesar disso, foram esquecidos pela Lei 9425", explica o deputado Sandes Júnior.

Sujeito à apreciação conclusiva, o projeto segue para exame da Comissão de Constituição e Justiça e de Redação.



Reportagem - Simone Ravazzolli
Edição - Luiz Claudio Pinheiro


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 01 de Outubro de 2020
Quarta, 30 de Setembro de 2020
17:50
Ituiutaba, Minas Gerais: confira o boletim coronavírus desta quarta-feira
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)