Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/10/2005 21:14

Aprovada no Senado, MP do Bem segue para a Câmara

Marcos Chagas/ABr

O Senado aprovou hoje (26) a Medida Provisória 255, conhecida como MP do Bem, que trata de benefícios fiscais para exportadores, prestadores de serviços, profissionais liberais e prefeituras entre outros. A apreciação da matéria foi controversa por conta de uma emenda apresentada pelo senador José Sarney (PMDB-AP) criando áreas de livre comércio nos municípios de Macapá (AP) e Santana (AP). Um acordo de líderes estendeu o benefício a outros municípios do Pará, Amazonas, Roraima e Rondônia.

Aprovada por 42 votos a sete, a emenda incluiu como áreas de livre comércio os municípios de Pacará (RR), Bonfim (RR), Tabatinga (AM), Guajará-Mirim (RO), Almerim (PA), Santarém (PA) e Barcarena (PA). A MP terá que ser apreciada amanhã na Câmara dos Deputados, porque seu prazo de vigência termina na próxima segunda-feira (31).

A medida aumenta os limites para o enquadramento de pequenas e microempresas no regime do Simples. Pelo texto aprovado, o teto para microempresas passa de R$ 120 mil para R$ 240 mil. No caso das pequenas empresas, passa de R$ 1,2 milhão para R$ 2,4 milhões.

Os municípios também foram beneficiados: as prefeituras terão 240 meses para parcelar suas dívidas com o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), desde que tenham sido contraídas até 30 de setembro deste ano. No caso das dívidas que vencem até 31 de dezembro, o prazo foi mantido em 60 meses.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)