Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/05/2006 09:09

Após confronto, fronteira com Bolívia amanhece tranqüila

Marina Miranda/Campo Grande News

A fronteira entre Brasil e Bolívia amanheceu tranqüila, após o confronto registrado ontem. Cerca de 50 pessoas permanecem na ponte que liga Arroyo Concépcion a Corumbá, mas o trânsito está fluindo sem problemas. Conforme informações da TV Morena, uma viatura da polícia está no local para garantir a segurança.
No início da noite de ontem, comerciantes bolivianos contrários à paralisação geral na província de German Busch tentaram acabar com bloqueio da fronteira na cidade de Arroyo Concépcion.

Desde o dia 28 de abril, os comitês cívicos dos municípios de Arroyo Concépcion; Puerto Quijarro; Puerto Suarez e El Carmen Riveiro Torrez promovem bloqueios que impediam o cruzamento da faixa fronteiriça e fechavam estradas, ferrovias, aeroporto e o comércio da região em defesa da criação e manutenção dos postos de trabalho pelo governo do presidente Evo Morales.
Insatisfeitos com prejuízos que o setor comercial começava a sentir, os bolivianos contrários ao “paro cívico” usaram a força para acabar com as restrições. Anunciando que o departamento de Santa Cruz havia entrado em acordo com o Governo Central e decidido pela suspensão da greve departamental de 24 horas, que seria realizada hoje, eles deram início – por conta própria – ao desmonte dos bloqueios.

Os manifestantes pró e contrários ao “paro” entraram em confronto na faixa internacional, muitos bolivianos atravessaram correndo para o lado brasileiro, com o intuito de escapar das pedras e paus que eram lançados durante a confusão. Um caminhão, que interditava a passagem, teve os vidros quebrados - empurrado pelo grupo que pregava o fim dos bloqueios o veículo quase foi lançado para fora da ponte.
A carreta teve o motor acionado e foi retirada ao som de fogos de artifício e debaixo de pedras, o que obrigou os policiais bolivianos – fortemente armados – a intervirem para evitar uma briga direta entre os envolvidos. (Com informações do Corumbá Online).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)