Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/06/2010 10:29

Após agressões ao CQC, presidente da Câmara apoia Trad

Campo Grande News/ Fernanda França

O presidente em exercício da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), manifestou solidariedade ao colega Nelson Trad (PMDB-MS), que agrediu uma equipe do programa "CQC" (Band).

Ele pedirá, inclusive, que a assessoria de imprensa faça um estudo sobre o trabalho dos jornalistas na Casa.

Na semana passada, ao ser abordado pela equipe, Trad se exaltou após saber que assinara um abaixo-assinado para incluir um litro de cachaça no Bolsa Família.

Uma garota recolheu assinaturas dos congressistas para ver se eles sabem o que assinam. Um cinegrafista teve parte do equipamento danificado.

A repórter Mônica Iozzi também chegou a ser empurrada. As imagens foram ao ar na última segunda-feira.

"Ao não querer falar, o deputado é constrangido pelos veículos de comunicação. Há excesso por parte de alguns jornalistas. Temos de tomar algumas medidas institucionais", disse Maia, sem especificar as ações que pretende tomar.

Segundo a assessoria de imprensa da Câmara, a entrada de programas como "CQC", "Pânico na TV" (RedeTV) e "Legendários" (Record) sempre foi liberada. Entretanto, é necessário mais diálogo com essas equipes sobre as formas de abordagem aos parlamentares.

Trad chegou a reclamar da conduta do "CQC" em discurso no plenário.

"Sem necessidade de eu pedir desculpas aos meus companheiros, porque eu reagi legitimamente em defesa da minha dignidade. Não defendo só a mim, mas a própria instituição a que pertenço há mais de 30 anos".

Durante o discurso, Trad recebeu o apoio do colega José Genoino (PT-SP).

"Eu também tenho passado por essas situações. Conto até 10 para não falar. E passo reto. A coisa está chegando a um ataque individual", alertou. Com informações da Folha Online.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)