Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/05/2016 12:45

Após 5h perdidos, pescadores são resgatados pela Marinha no Rio Paraguai

Midiamax

Dois pescadores amadores passaram mais de cinco horas perdidos no Rio Paraguai, a 50 quilômetros do Porto Geral de Corumbá – cidade a 444 quilômetros de Campo Grande. O barco em que eles estavam apresentou problemas no motor e se prendeu a um camalote no início da noite de sexta-feira (27), o que impossibilitou o deslocamento.

Com um telefone celular, a dupla fez contato com a família, que solicitou ajuda na Capitania Fluvial do Pantanal. Os pescadores não sabiam informar o local exato em que estavam.

Mas, logo após o pedido de socorro, militares da Marinha do Brasil, subordinados ao Comando do 6º Distrito Naval, se deslocaram para o rio e conseguiram resgatar o professor Renner Fernando da Silva Cordova Júnior, de 29 anos, de Corumbá e Gabriel Garcia Lima, de 34 anos, de Campo Grande.

A lancha da Capitania chegou ao Porto Geral trazendo os dois tripulantes resgatados e rebocando o barco deles por volta das 3h.

Gabriel Garcia Lima, que veio passar o feriado de Corpus Christi em Corumbá, agradece o trabalho dos militares. “A equipe da Marinha agiu com extrema eficiência. Não era possível enxergar nada no Rio Paraguai, mas mesmo assim, eles conseguiram chegar até nós. Achei que passaríamos a noite toda lá. Estava muito frio”.

Para Renner é gratificante saber que a Marinha do Brasil possui este tipo de serviço aqui no Pantanal. “Tivemos um problema primeiro com o GPS, depois com o motor do barco. Estou contente por ter sido resgatado bem e em saber que os pescadores podem contar com um serviço de tão alto nível de eficiência e comprometimento”.

A Marinha alerta sobre a necessidade de cumprir rigorosamente as regras de segurança. Durante ventos fortes e tempestades, recomenda-se não sair com a embarcação ou atracá-la até o tempo normalizar. Qualquer situação de perigo, ligar para o telefone de emergência marítima 185 ou efetuar chamadas no canal 16, do rádio transceptor de VHF. O telefone da Capitania Fluvial do Pantanal é (67) 3231-6444.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)