Cassilândia, Sexta-feira, 25 de Maio de 2018

Últimas Notícias

29/09/2016 15:26

Após 42 anos, tráfego de veículos sobre a barragem de Jupiá é desativado

Ana Cristina Santos, Jornal do Povo
Travessia sobre o rio Paraná, interligado os estados de Mato Grosso do Sul e São Paulo, não será mais utilizada para passagem de veículos. - Foto:  Mapio.NetTravessia sobre o rio Paraná, interligado os estados de Mato Grosso do Sul e São Paulo, não será mais utilizada para passagem de veículos. - Foto: Mapio.Net

 

A Usina Hidrelétrica Engenheiro Souza Dias (Jupiá), em Três Lagoas, foi construída em 1974. A partir de então, a travessia sobre o rio Paraná, interligado os estados de Mato Grosso do Sul e São Paulo, foi utilizada para passagem de veículos.

Desde as 8h desta quinta-feira (29), os veículos deixaram de passar sobre a barragem de Jupiá, já que a ponte rodoviária sobre o rio Paraná, na divisa entre Três Lagoas e Castilho (SP) foi liberada para o trânsito.

Desde o anúncio, até efetivamente a construção da ponte, foram mais de 20 anos de espera. Em 2000, a empreiteira Camargo Corrêa venceu uma licitação para a construção. No entanto, nem chegou a iniciar a obra porque queria uma antecipação de recursos.

Em 2010 foi aberta nova licitação para a contratação de empresa interessada em executar o serviço. Em junho de 2011, o governo federal autorizou a empreiteira A. Gaspar iniciar as obras.

A previsão era de que a obra fosse inaugurada em abril de 2015, no entanto, em razão da necessidade de revisão do projeto, bem como devido ao bloqueio de recursos pela Justiça, e devido às chuvas, houve um atraso no cronograma. O projeto que era de 1999 também precisou ser revisado, atrasando um pouco mais conclusão.

TRAJETO MENOR

De acordo com o engenheiro do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit) de Três Lagoas, Milton Rocha Marinho, a ponte representa muito para o sistema viário, uma vez que não haverá mais a necessidade dos veículos transitarem pela barragem de Jupiá, que é considerado um empecilho para o desenvolvimento de logística.

Para atravessar o rio pela barragem, de acordo com o engenheiro, dependendo da quantidade de veículos, em especial os pesados, pode levar até 30 minutos. “Com a ponte não vai haver essa demora”, destacou.

A ponte - que custou pouco mais de R$ 117 milhões - possui pista simples, com três faixas, sendo uma adicional para carretas e caminhões, com 1.344 metros de extensão e 6.648 metros de acessos pavimentados. Pelo lado de São Paulo, o acesso começa na rotatória de início da rodovia Marechal Rondon (SP-300) e, por Três Lagoas, sai na rotatória próxima ao antigo prédio da Delegacia da Polícia Rodoviária Federal, no início da BR-262, segundo o Jornal do Povo.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)