Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

13/06/2005 14:33

Apoio social estimula auto-exame das mamas

Agência Notisa

O auto-exame das mamas é uma importante prática de auto-cuidado com a saúde e é recomendado para a detecção de câncer. O exame deve ser realizado todo mês, no entanto, são poucas as mulheres que o fazem com esta freqüência. Além disso, a prática está diretamente associada aos diversos níveis de apoio social, como mostram pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro e da Universidade Federal do Rio de Janeiro em um estudo realizado com 2.240 mulheres, funcionárias técnico-administrativas de uma das duas universidades.

De acordo com artigo publicado na edição de março/abril de 2005 dos Cadernos de Saúde Pública, “a disponibilidade de apoio material e afetivo, assim como informação e outras dimensões do apoio social, por exemplo, por parte de familiares e amigos, podem exercer um papel importante no estímulo à adoção e manutenção de hábitos de auto-cuidado”. No estudo, todas as mulheres foram submetidas a um questionário.

Os pesquisadores constataram que cerca de 50% das mulheres apresentavam nível universitário e eram casadas ou viviam em união. Além disso, do total 44% informaram realizar o auto-exame das mamas "todo mês" ou "quase todo mês"; 32%, "às vezes", e 24% informaram praticá-lo "raramente" ou "nunca". A freqüência de realização do auto-exame das mamas pode ser considerada alta em nível semelhante ao observado entre mulheres em países desenvolvidos, como na Suécia e nos Estados Unidos. Essa semelhança pode ser explicada por duas características que parecem fundamentais para o acesso à informação sobre cuidados com a saúde: alta escolaridade (80% apresentavam pelo menos o segundo grau completo) e grande parcela constituída por funcionárias da área de saúde (60% das mulheres trabalhavam no hospital universitário)”.

A equipe observou também que participantes com escores mais altos nas várias dimensões de apoio social relataram freqüência mais elevada de auto-exame das mamas: “essa consistência e linearidade dos resultados corroboram a hipótese sobre a contribuição positiva do apoio social para a prática regular de autocuidados de saúde”. Dessa forma, os pesquisadores alertam para a importância do apoio social no estímulo a práticas de autocuidado de saúde da mulher.

Agência Notisa (jornalismo científico - science journalism)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)