Cassilândia, Domingo, 26 de Maio de 2019

Últimas Notícias

09/04/2019 11:40

Aplicativo desenvolvido na UFMS será usado por produtores rurais na Amazônia

Campo Grande News

Aplicativo desenvolvido na Facom (Faculdade de Computação) da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) vai auxiliar produtores rurais e pesquisadores, no planejamento da escolha de espécies arbóreas em áreas de pastagem da Amazônia.

Pelo aplicativo Arbopasto o usuário pode acessar o guia que traz a catalogação de 51 espécies da região amazônica aptas para a produção de madeira e fornecimento de serviços múltiplos em sistemas silvipastoris (combinação intencional de árvores, pastagem e gado numa mesma área ao mesmo tempo e manejados de forma integrada).

No aplicativo, o usuário tem acesso a informações da espécie, como nome comum, família, nome científico, ocorrência natural e bioma. Além da foto da árvore inteira, ainda estão disponíveis imagens de frutos, caule, casca e folha.

Na ficha técnica, ainda estão dispostos dados como produção de mudas, valor comercial da madeira, fixação biológica de nitrogênio, velocidade de crescimento, potencial forrageiro e tóxico dos frutos, tolerância ao fogo em pastagens, interferência no pasto sob a copa, regeneração natural, forma de copa em pastagens, porte das árvores, entre outros.

O Arbopasto é resultado da parceria firmada pelas Embrapas Acre, Rondônia e Gado de Corte (Mato Grosso do Sul) e o Laboratório de Inteligência Artificial (LIA/UFMS), da Facom. Ele já está disponível na Play Store e pode ser acessado também pela URL https://arbopasto.cpafro.embrapa.br/.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 26 de Maio de 2019
10:00
Receita do Dia
Sábado, 25 de Maio de 2019
11:34
Cassilândia
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)