Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/11/2009 12:01

Aparecida do Taboado: Fraude de energia leva a prisões

Enersul, assessoria

O cerco desta vez foi em Aparecida do Taboado, Grande, e levou para a cadeia duas pessoas. Uma delas é C. da S.M., um falso técnico em eletrônica, que vendia o serviço de fraude. O outro é S. S. da S., morador naquela cidade, que aceitou comprar o trabalho de adulteração no medidor de energia. Eles foram pegos em flagrante por Policiais Militares que também apreenderam, no local do crime, ferramentas, lacres e equipamentos utilizados para provocar pane no relógio do padrão e com isso tentar inibir a contagem do volume de energia consumida pela residência. Mas esse é um golpe de resultado duvidoso e quem nem sempre dá certo, a começar pelo risco da prisão já que a fraude de energia é crime com pena prevista de até 4 anos de reclusão.

O caso de Aparecida ilustra bem como o cerco da fisclização e das Polícia Civil e Militar está se fechando contra essa prática ilegal. E respeito aos clientes e como resposta à sociedade, que tem aumentado as denúncias contra esses criminosos que vendem e compram fraudes, a Enersul está intensificando cada vez mais as inspeções técnicas na unidades consumidoras. Só nos nove primeiros meses deste ano a fiscalização chegou à porta de 127 mil clientes, sendo que em 31 mil foram encontrados algum tipo de irregularidade. Nesses casos foi feito o cálculo do volume desviado e os responsáveis pelas unidades com a fraude obrigados a pagar pela energia desviada. A ação da distribuidora segue as normas da Agência Reguladorade Energia Elétrica para garantir a isonomia, evitando que esse tipo de crime cause prejuízo aos consumidores que agem dentro da legalidade.


Por Henrique Xavier | Gerência de Comunicação e Responsabilidade Social | Enersul

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)