Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/03/2015 16:21

Anvisa concede registro a remédio oral para hepatite C

Agência Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária publicou hoje (11) o registro do medicamento Olysio (simeprevir sódico), remédio oral usado no tratamento da hepatite C. No ano passado, o Ministério da Saúde pediu prioridade para a avaliação de três medicamentos para a doença, este é o segundo registrado da lista. O registro é o documento que permite a comercialização de um medicamento no país.

O daclatasvir teve seu pedido concedido em janeiro. Falta ainda o sofosbuvir. Segundo o Ministério da Saúde, o índice de cura da doença com o uso destes medicamentos chega a 90%. Depois de registrados, o remédios passarão por avaliação da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (SUS) para que possam ser distribuídos na rede pública. Além de ter índice de cura maior do que os remédios atualmente usados no país, o novo medicamento também reduz o período de tratamento de 48 para 12 semanas.

Outra vantagem apontada pelo Ministério da Saúde é que o Olysio é de uso oral e não injetável, o que facilita a posologia. De acordo com o Grupo Otimismo de Apoio ao Portador de Hepatite, os remédios injetáveis usados atualmente causam problemas colaterais graves à saúde do paciente que, muitas vezes, pode ser obrigado a suspender o tratamento por causa dos riscos. Além disso, o índice de cura dos tratamentos disponíveis não ultrapassa 70%. No Brasil, a prevalência de hepatite C na população é em torno de 1,4% a 1,7%, principalmente entre os maiores de 45 anos. Segundo o levantamento do Ministério da Saúde, atualmente 15,8 mil pessoas estão em tratamento da doença pelo SUS. A hepatite C é causada pelo vírus C (HCV).

A transmissão ocorre, principalmente, por meio de transfusão de sangue, compartilhamento de material para uso de drogas, objetos de higiene pessoal – como lâminas de barbear e depilar, alicates de unha e outros objetos que furam ou cortam, na confecção de tatuagem e colocação de piercings.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)