Cassilândia, Segunda-feira, 26 de Junho de 2017

Últimas Notícias

15/01/2007 07:04

Anvisa: Bancos de pele e ossos ganham novas regras

Agência do Rádio

Os bancos de pele e ossos de origem humana já têm regras a seguir. A primeira resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária para esse setor pretende garantir que ossos, cartilagens, tendões e pele sejam tratados dentro de padrões técnicos de qualidade. Para isso, a medida abrange questões como instalações físicas, equipe técnica, materiais, equipamentos, triagem de doadores e controle de qualidade. Mensalmente, os bancos vão ter que enviar à Anvisa um relatório com dados de produção e estoque. Também vão ter que guardar arquivo próprio sobre cada doador e receptor, durante, no mínimo, 20 anos. A gerente de Tecidos e Órgãos da Anvisa, Renata Tarca, explica a importância dessa normatização.

"O banco de pele e o banco de ossos é utilizado para os transplantes. E essa norma, inclusive, saiu do ponto de vista de minimização do risco sanitário para garantir que esses ossos e essa pele sejam disponibilizados para a população com qualidade."

As regras entraram em vigor no último dia 29 de dezembro, mas os bancos que já estão em funcionamento vão ter seis meses, a partir da data da publicação, para se adequarem às normas técnicas. Atualmente, no Brasil, existem seis bancos de ossos e dois de pele.

De Brasília, Eline Santos

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 26 de Junho de 2017
Domingo, 25 de Junho de 2017
15:50
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)