Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/10/2010 15:29

André vai renomear secretários que disputaram eleição

Campo Grande News/ Aline dos Santos

Reeleito, o governador André Puccinelli (PMDB) vai nomear, novamente, os secretários que deixaram o governo para disputar as eleições.
Vão retornar ao primeiro escalão tanto os que venceram quanto os que foram derrotados nas urnas. Também serão nomeados os que deixaram cargos para trabalhar na campanha de Puccinelli.

Osmar Jeronymo, coordenador de campanha, voltará à secretaria estadual de Governo. Eleito deputado estadual, Carlos Marun (PMDB), retornará à secretaria de Habitação e Cidades.

Derrotada nas urnas, Nilene Badeca, que foi candidata à deputada estadual, vai voltar para a secretaria de Educação. Eleito deputado federal, Edson Giroto (PR), permanecerá à frente da secretaria de Obras.

Exonerados para atuar na campanha eleitoral, Américo Calheiros retornará para a função de diretor-presidente da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul e diretor-presidente da Rádio e TV Educativa, e Nilde Brun para a função de diretora-presidente da Fundação de Turismo.

Desespero – Eleitos, Marun e Giroto devem permanecer no primeiro escalão do governo até 31 de dezembro. “O Marun tem que ficar alguns meses ou aninhos na Assembleia e o Giroto na bancada federal. Para desespero dos suplentes”, salienta.

Para o segundo mandato, Puccinelli disse que fará algumas modificações nas secretarias, mas não detalhou o nome de quem sai ou fica.

Murilo – Candidato derrotado ao Senado, o vice-governador Murilo Zauith (DEM) também pode ser aproveitado por Puccinelli a partir de 2011. “O Murilo é um quadro que pode ser aproveitado por sua competência técnica. Pode ser aproveitado na Casa Civil, na Secretaria de Planejamento”, afirma.

Conforme Puccinelli, Murilo também pode ser inserido na iniciativa para que todos os municípios do Estado tenham plano diretor. “O Estatuto das Cidades prevê que o plano seja feito a partir de 20 mil habitantes. Mas quero fazer com 2 mil, 3 mil [habitantes]”. No segundo mandato, a vice-governadora é Simone Tebet (PMDB).


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)