Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

13/04/2007 14:36

André cogita estadualizar e implantar pedágio na BR-163

O governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), afirmou esta manhã que o Estado tem cinco projetos de seu interesse no PAC (Plano de Aceleração do Crescimento), e um deles envolve a implantação de pedágio e a duplicação da rodovia mais movimentada e mais perigosa, a BR-163.

A idéia, segundo afirmou André, é que seja feita uma PPP (parceria público privada), com estadualização da via. É um projeto com prazo de implantação de 10 anos, segundo afirmou.

Os estudos, ainda conforme o governador, indicam que pode ser instalado uma passagem do pedágio a cada 80km, com custo de R$ 4,00. De acordo com ele, é um valor menor do que em São Paulo, que tem rodovias privatizadas, com o pedágio custando R$ 5,00 por 50 km.

A BR-163 é a rodovia que mais tem mortes no Estado em acidentes. É também a que concentra o maior movimento, principalmente de veículos pesados que fazem o transporte da produção agrícola. Ela corta o País de Norte a Sul e é o principal acesso à região Sudeste para os Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. No Estado, são 850 km de rodovia que, ao todo, tem quase 2 mil km. Ela começa no norte do Mato Grosso e termina na divisa de Mato Grosso do Sul com São Paulo.

Todos os projetos - Os outros 4 projetos de interesse de Mato Grosso do Sul no PAC, conforme Puccinelli afirmou hoje cedo, são a implantação do poliduto de gasolina e diesel, a implantação de linhões de energia e a ampliação do Aeroporto Internacional de Campo Grande, em três mil metros quadrados.



Campo Grande News

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)