Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/01/2006 08:28

Amorim fala sobre a morte do general brasileiro

Lilian de Macedo/Campo Grande News

O ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim, diz que não descarta nenhuma hipótese para a morte do general brasileiro Urano Teixeira da Matta Bacellar, que desde setembro de 2005 era o chefe militar da Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti (Minustah). Mas Amorim considera pouco provável que o militar tenha se matado. "Nada do que tenhamos ouvido poderia prever o que ocorreu, considerando a hipótese de suicídio", disse o ministro, em entrevista coletiva à imprensa.

Mesmo assim, o ministro diz que "não podemos descartar nenhuma hipótese". Segundo ele, a investigação será "total e completa". Um avião da Força Aérea Brasileira saíra do Brasil rumo ao Haiti amanhã (8), por volta das 10 horas. De acordo com Amorim, a comitiva será formada por representantes do gabinete de Segurança Intitucional, da Polícia Federal e das Forças Armadas.

O ministro destacou que os ministros de Relações Exteriores da França e do Canadá, além da secretária norte-americano de Estado, Condoleezza Rice, e do secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Kofi Anan, manifestaram apoio para que o Brasil continue a frente da missão das Nações Unidas. "Todos demonstraram solidariedade ao Brasil e confiança de retorno à democracia. O país irá reiterar a vontade de permanecer no comando da operação", sintetizou Amorim.

Amorim conversou com jornalistas após reunião com o presidente em exercício e ministro da Defesa, José Alencar, ontem, Palácio do Itamaraty, sede do Ministério das Relações Exteriores. Também participaram do encontro o general Francisco Albuquerque, comandante do Exército, e o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Armando Félix.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)