Cassilândia, Quarta-feira, 18 de Janeiro de 2017

Últimas Notícias

08/01/2006 08:28

Amorim fala sobre a morte do general brasileiro

Lilian de Macedo/Campo Grande News

O ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim, diz que não descarta nenhuma hipótese para a morte do general brasileiro Urano Teixeira da Matta Bacellar, que desde setembro de 2005 era o chefe militar da Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti (Minustah). Mas Amorim considera pouco provável que o militar tenha se matado. "Nada do que tenhamos ouvido poderia prever o que ocorreu, considerando a hipótese de suicídio", disse o ministro, em entrevista coletiva à imprensa.

Mesmo assim, o ministro diz que "não podemos descartar nenhuma hipótese". Segundo ele, a investigação será "total e completa". Um avião da Força Aérea Brasileira saíra do Brasil rumo ao Haiti amanhã (8), por volta das 10 horas. De acordo com Amorim, a comitiva será formada por representantes do gabinete de Segurança Intitucional, da Polícia Federal e das Forças Armadas.

O ministro destacou que os ministros de Relações Exteriores da França e do Canadá, além da secretária norte-americano de Estado, Condoleezza Rice, e do secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Kofi Anan, manifestaram apoio para que o Brasil continue a frente da missão das Nações Unidas. "Todos demonstraram solidariedade ao Brasil e confiança de retorno à democracia. O país irá reiterar a vontade de permanecer no comando da operação", sintetizou Amorim.

Amorim conversou com jornalistas após reunião com o presidente em exercício e ministro da Defesa, José Alencar, ontem, Palácio do Itamaraty, sede do Ministério das Relações Exteriores. Também participaram do encontro o general Francisco Albuquerque, comandante do Exército, e o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Armando Félix.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 18 de Janeiro de 2017
Terça, 17 de Janeiro de 2017
23:53
Loteria
10:00
Receita do dia
Segunda, 16 de Janeiro de 2017
10:04
Coluna da juíza Luciane Buriasco Isquerdo
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)