Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

31/05/2005 14:20

América continua na 1ª divisão paulista

Federação Paulista de Futebol

Em sessão realizada na tarde desta segunda-feira o Tribunal de Justiça Desportiva do futebol de São Paulo julgou o processo no qual o América, de São José do Rio Preto, teria utilizado o goleiro Pitarelli em quatro partidas do Paulistão 2005 de forma irregular. O time riopretense estava denunciado pela procuradoria do TJD no Artigo 214, que diz que a equipe que incluir atleta que não tenha condição legal de participar da partida, poderá ser punida com a perda do dobro do número de pontos previstos no regulamento da competição para o caso de vitória e multa de R$ 5.000,00 (Cinco mil reais) a R$ 50.000,00 (Cinqüenta mil reais). O América teve a defesa do Dr. João Vicente Feijó Gazola.

Após leitura do processo pelo relator do Tribunal e a defesa do América, o TJD entendeu que, por três votos pela perda de seis pontos, e dois votos pela absolvição e multa de R$ 5.000,00 (Cinco mil reais), o América perde seis pontos e sofre multa de R$ 5.000,00 (Cinco mil reais). Este resultado livra o time de São José do Rio Preto do rebaixamento e mantém-se os resultados do Campeonato Paulista de Futebol da Série A1, com União Barbarense, União São João, Atlético Sorocaba e Internacional, de Limeira, rebaixados para a Série A2 em 2006.

O processo foi julgado pela Segunda Comissão Disciplinar do Tribunal, que tem como presidente o Dr. Carlos Alberto Ferraz e Silva e como auditores os Doutores Acyr José de Almeida, Dr. Miguel Marques e Silva, Dr. Thomaz Bechara e a Dra. Gladys Miranda.

O presidente do União Barbarense, Francisco Silveira Mello, não gostou do resultado e disse que vai recorrer da decisão. "Vamos constituir um advogado e vamos recorrer no prazo certo. Acho que julgamento é julgamento e eles (Auditores) estão equivocados. Os atletas estão sujeitos a cartões amarelos e vermelhos quando estão no banco reservas. È um total desconhecimento do regulamento", falou o presidente do União Barbarense.

O Presidente do América, de São José do Rio Preto, Joacy Antônio Lopes, também não gostou do resultado e prometeu recorrer da decisão. "Acho que vamos recorrer, não contava nem com a perda dos seis pontos. Acho que o resultado tem de ser mantido dentro do campo e para nós o que mais importou foi que o rebaixamento não existe mais", falou o dirigente.

São José do Rio Preto, Segunda-Feira - 18 de abril de 2005

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)