Cassilândia, Quinta-feira, 24 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

03/09/2003 16:41

Alterado texto da reforma para ser votada

Marcos Chagas/Agência Brasil

Os partidos da base aliada fizeram novas alterações no texto da reforma tributária para tentar viabilizar ainda hoje a votação da proposta. A reunião foi realizada no gabinete do líder do governo na Câmara, Aldo Rebelo (PcdoB-SP). A nova redação da reforma reduz de 180 para 60 dias o prazo para o governo encaminhar ao Congresso o projeto de Lei de Informática.

Segundo o vice-líder do governo na Câmara, Beto Albuquerque (PSB-RS), o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) volta a compor o Fundo de Compensação das Exportações, que conta com os impostos sobre importação e exportação. Ele ressaltou que não tem como estabelecer, na Constituição, um percentual para o fundo de compensação. “O governo garante que compensará os estados. Isso é que importa”, acrescentou.

A intermediação, pelos bancos regionais, do Fundo de Desenvolvimento Regional foi retirada do texto da reforma. Albuquerque afirmou que algumas regiões não têm essas instituições financeiras, o que complicaria o repasse. Quanto à partilha da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide), o vice-líder afirmou que, se não houver acordo, os 25% destinados aos estados e municípios serão mantidos na emenda aglutinativa. Se os governadores fecharem um acordo, a regulamentação dessa partilha poderá ser feita por medida provisória.

Os governistas estão abertos para negociar, também, o teto de 15% do Imposto sobre Herança. Quanto à expectativa para votação, Beto Albuquerque disse que o último levantamento dá ao governo 350 votos. Eles contam com o apoio, inclusive, de parte do PSDB e PFL.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 24 de Setembro de 2020
Quarta, 23 de Setembro de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)