Cassilândia, Quinta-feira, 25 de Maio de 2017

Últimas Notícias

13/04/2007 07:40

Algodão transgênico em discussão hoje na Famasul

Thiago Fraga/Luciana Modesto

Produtores de algodão de todo o Estado se reúnem hoje (13), no auditório da Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (FAMASUL), durante encontro promovido pela Ampasul (Associação Sul-mato-grossense dos Produtores de Algodão). Na pauta de discussão, a prestação de contas da entidade, questões ligadas ao algodão transgênico e o futuro do setor no Estado.

“A Ampasul é parceira estratégica para a Federação. Nossa intenção é abrir e ampliar a discussão sobre a produção e sobre a liberação do algodão transgênico. Como entidade representativa, estamos dando apoio e oferecendo todos os meios possíveis para fortalecer o setor”, afirma o presidente da FAMASUL, Ademar Silva Junior.

E o setor tem boas perspectivas para os próximos anos. “As condi! ções são favoráveis para o crescimento do setor, com cotações satisfatórias e aumento de área plantada”, conta o diretor-executivo da entidade Adão Hoffmann. Após a crise do ano passado, o cenário é otimista: mais de 40% da safra 2006/2007 foi vendida antecipadamente.

Durante a reunião, cerca de 80 associados deverão debater sobre a questão dos transgênicos em Mato Grosso do Sul. Este ano um produtor do Estado autuado teve toda a plantação embargada pela justiça. Hoffman declara que a Ampasul trabalha em conjunto com as associações de outros estados da Federação para que os transgênicos sejam liberados em breve, sob a pena do produto brasileiro perder mercado para outros países. “Não somos favoráveis ao plantio ilegal, mas mercados concorrentes já permitem os transgênicos. Ano passado tivemos uma vitória com a aprovação da Medida Provisória 327 [que diminui de 18 para 14 o número de votos necessários para aprovação de projetos ! na Comissão Nacional Técnica de Biossegurança].”

Os participantes devem discutir ainda os detalhes do lançamento da primeira marca de algodão de Mato Grosso do Sul e a criação de um selo social, a exemplo do que existe em Mato Grosso.

A reunião acontece a partir das 9h apenas para associados. O público em geral poderá acompanhar o encontro após as 10h30.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 25 de Maio de 2017
Quarta, 24 de Maio de 2017
14:40
Cassilândia
13:00
Dicas de segurança
10:00
Receita do Dia
Terça, 23 de Maio de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)