Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/02/2013 12:50

Além de produzirem tijolos, reeducandos são capacitados para construção civil

Karina Lima, noticias ms

Campo Grande (MS) – Reeducandos que estão participando do projeto “Educando e Construindo Ecologicamente”, no Instituto Penal de Campo Grande (IPCG), além de aprenderem a produzir tijolos ecológicos, agora estão sendo capacitados para atuarem na área de construção civil.

De acordo com o instrutor do curso, Atayde Reis, do “Instituto ECO”, as aulas são divididas entre o aprendizado do passo-a-passo de como se produz os tijolos a como utilizá-los em uma obra. “Campo Grande já possui três empresas de fabricação de tijolos ecológicos, e faltam pessoas capacitadas pra trabalhar nelas, e mais difícil ainda é encontrar profissionais que saibam utilizar esses tijolos, que estão se tornando uma tendência na construção civil”, comenta. No total, serão 200 horas/aula.

Para as aulas práticas de construção civil, uma maquete está sendo construída próxima à quadra na unidade prisional, que será desmontada após o término da capacitação, conforme informa o diretor do Instituto Penal, Erani Antônio Boeno.

O projeto

A inciativa é financiada pelo Fundo Socioambiental da Caixa Econômica Federal e coordenada pela Associação Cristã Pais e Filhos (ACPF), parceira da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) em ações de ressocialização.

Inicialmente, conforme previsto no projeto, 70 mil tijolos serão confeccionados. A média de produção diária deve ser de 1500 peças. Parte da produção será destinada aos familiares dos detentos, para contribuir com a construção da casa própria. O restante será utilizado para angariar recursos para que o trabalho tenha continuidade, dando oportunidade a um maior número de custodiados.

A presidente da ACPF, Edna Coronel, destaca que o foco do trabalho é a ação social, “já que possibilita a qualificação dos reeducandos para o mercado de trabalho e ainda será uma forma de ajudá-los e às suas famílias na construção de uma moradia digna”, enfatiza.

Dez custodiados estão participando do “Educando e Construindo Ecologicamente”, mas a ideia é que a iniciativa tenha continuidade, por meio de parcerias, segundo o diretor do IPCG. “Pretendemos, com o apoio da Associação Cristã e da Agepen, tornarmos a produção de tijolos uma oficina permanente, após a produção dos 70 mil tijolos previstos no projeto, e assim darmos oportunidade a mais internos”, ressalta.

Fonte: Agepen

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)