Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

27/01/2004 14:46

Aleluia diz que PFL vai votar contra MPs da energia

Jorge Wamburg/Agência Brasil

O líder do PFL na Câmara dos Deputados, José Carlos Aleluia (BA), afirmou há pouco que o seu partido vai votar contra as medidas provisórias 144 e 145, que estabelecem sobre o novo modelo do setor elétrico do país. Segundo ele, o partido usará os dispositivos regimentais para tentar impedir a aprovação do projeto, inclusive promovendo obstruções na votação.

Aleluia alega que projeto até hoje não teria sido discutido pelo governo com Congresso. "Tudo foi feito de forma nada transparente. Tudo que o PT no passado reclamava, que era transparência, agora ele nega. Não houve uma reunião sobre o assunto. A primeira é hoje, quando a ministra (Dilma Rousseff) teceu considerações muito mais sobre o sistema e sobre o modelo nacional" disse Aleluia.

O deputado saiu há pouco da reunião que está ocorrendo na Câmara entre a ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff, e os lideres de partidos. A principal crítica do PFL é que as medidas provisórias "deixam os investimentos praticamente na mão de um poupador que não tem poupança para investir, que é a União, e afastam os investimentos privados, que é um grande erro". O deputado baiano também afirmou que o que levou ao apagão no ano passado foi a falta de investimentos e as propostas do governo fazem a mesma coisa de modo ampliado.

Ele também criticou a retirada de poder das agências reguladoras como Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), afirmando que o modelo atual reconhece as agências como instrumentos do Estado, e se o governo não acredita nisso é mais um marco para enfraquecer a atração de investimentos para o país. "As agências representam legitimamente os interesses do consumidor, garantem os investimentos a longo prazo e asseguram o atendimento do sistema. Eu confio muito mais nas agências profissionalizadas do que nos ministros que são tirados a cada reforma" concluiu Aleluia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)