Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/06/2009 13:58

Alcides Silva: Língua portuguesa, inculta e bela!

Alcides Silva

Ponto e vírgula
Quando de sua edição, o decreto nº. 3.048, de 8 de maio de 1999, que aprovou o Regulamento da Previdência Social, foi alvo de longas e acirradas discussões sobre o valor do sinal ponto e vírgula. Referido decreto vinculou a aposentadoria por tempo de contribuição (35 anos para homem e 30 para mulher) à idade mínima (65 para homem e 60 para mulher). A imprensa comentava que a definição da idade mínima fora incluída no decreto porque alguns assessores do Ministério da Previdência interpretaram que a Constituição, alterada pela Emenda nº 20, de dezembro do ano anterior, fixara duas condições para a aposentadoria: o tempo de serviço e a idade mínima. Essa interpretação estava baseada na existência de um ponto e vírgula após o inciso que fixa o tempo de contribuição mínima para aposentadoria.
O texto da citada Emenda 20, na parte que interessa (§7º, incisos I e II) é o seguinte.
“É assegurada aposentadoria no regime geral de previdência social, nos termos de lei, obedecidas as seguintes condições:
I – trinta e cinco anos de contribuição, se homem, e trinta anos de contribuição, se mulher;
II – sessenta e cinco anos de idade, se homem, e sessenta anos de idade, se mulher, reduzido em cinco anos o limite para os trabalhadores rurais de ambos os sexos e para os que exerçam suas atividades em regime de economia familiar, nestes incluídos o produtor rural, o garimpeiro e o pescador artesanal.
Segundo os leguleios da Previdência, o ponto e vírgula existente no final do inciso I acima, tem o valor de “e” e, em razão disso, os segurados precisariam preencher as duas condições (tempo de contribuição e idade) para poderem se aposentar. Não é verdade. Como disse o líder dos tucanos na Câmara na época, deputado Arnaldo Madeira, “o ponto e vírgula é usado para separar os dispositivos e não para somá-los”.
O ponto e vírgula é um sinal pausal, intermediário entre o ponto (que é uma pausa longa) e a vírgula (pausa de pequena duração).
Serve:
1 – para separar as orações da mesma natureza que tenham uma certa extensão: “Todas as obras de Deus são maravilhosas; porém a maior de todas as maravilhas é a existência do mesmo Deus”. (Marquês de Maricá) Na Palestina vive-se a guerra, a morte e a destruição; no Brasil, a paz!
3 – para separar partes de um período, das quais pelo menos uma esteja subdividida por vírgula: Afrouxa-se o arco, que já não atua; as setas que já não ferem.
4 – para separar os diversos itens de leis, os considerandos de decretos e atos oficiais (como no texto constitucional acima transcrito).
5 – em lugar de vírgula, antes das conjunções adversativas (mas, porém, todavia, contudo, no entanto, etc). O alongamento da pausa acentua o sentido adversativo ou conclusivo da conjunção:
Estou sem dinheiro; por isso não irei ao baile. Calaram-lhe a voz; porém não lhe tiram o ideal.
Nunca, porém, o ponto e vírgula tem a função de conjunção coordenada aditiva, de ligação de termos ou orações, em substituição ao E ou ao NEM. Nem mesmo quando o governo pretenda apenar ainda mais os trabalhadores...

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)