Cassilândia, Quarta-feira, 26 de Abril de 2017

Últimas Notícias

12/08/2007 08:37

Ainda há chamas no Paulistão, 12h após início do fogo

Fernanda Mathias e Adriany Vital/Campo Grande News

Já passam de 12 horas de trabalho do Corpo de Bombeiros e o prédio do Paulistão, na rua Rui Barbosa, em Campo Grande, ainda tem chamas. Neste momento cerca de 15 bombeiros fazem o rescaldo do incêndio para evitar que o fogo se reinicie, trabalho que só deve ser concluído no fim da manhã

Proprietários do estabelecimento estão no local, mas ainda não informam sobre o prejuízo provocado pelo incêndio. Não havia seguro na loja, onde eram vendidos brinquedos, artigos para festas e fantasias. Os bombeiros gastaram 240 mil litros da água para debelar as chamas e 50 homens chegaram a ser envolvidos no trabalho.

O prédio tem três edificações. Paredes uma delas já caíram e o andar de cima do prédio de número 2345 está completamente comprometido e ameaça desabar a qualquer momento. Um prédio ao lado teve as paredes chamuscadas e vidros quebrados devido ao calor do fogo, mas o incêndio não chegou a atingir nenhum prédio vizinho.

Dez estabelecimentos foram evacuados, por orientação do Corpo de Bombeiros, para evitar que o fogo saísse do Paulistão. Não houve feridos.

Falta de estrutura – Embora os bombeiros tenham concentrado todos os esforços no combate ao incêndio, a falta de estrutura foi um limitante para os trabalhos dos militares. O major Aparecido Xavier, que comanda os trabalhos do Corpo de Bombeiros no combate ao incêndio, disse que se houvesse uma escada de elevação, a chamada magirus, seria mais fácil combater as chamas no andar de cima do prédio.

Além disso, destacou a necessidade de mais caminhões-pipa. A Águas Guariroba enviou dois ao local. Outro bombeiro afirmou que uma dificuldade é a falta de hidrantes com boa vazão na região central. O mais próximo do local está, segundo ele, na Rua Antônio Maria Coelho, cruzamento com a Ernesto Geisel. É classificada como boa vazão aquela que permite que o caminhão de combate seja enchido em 3 a 8 minutos. As causas do incêndio ainda são investigadas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 26 de Abril de 2017
Terça, 25 de Abril de 2017
Segunda, 24 de Abril de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)