Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/10/2007 14:09

Agricultura debate aumento de tarifa da telefonia rural

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural realizará no dia 24 audiência pública para discutir o aumento de tarifa da telefonia rural fixa e a Resolução 423/05, da Anatel, que prevê a cobrança da tarifa em minutos.

O debate foi proposto pelo deputado Vignatti (PT-SC). Segundo ele, com a implantação do plano básico ou plano alternativo, os usuários da telefonia fixa rural da TIM (proprietária da linha) e da Brasil Telecom (administradora da linha) da região oeste de Santa Catarina tiveram aumentos de até 400%.

O deputado explica que, conforme a resolução da Anatel, são cobradas não só a chamada originada, mas também as chamadas recebidas pelos usuários. Além disso, TIM repassava R$ 0,20 para a Brasil Telecom a cada minuto falado. A partir do início deste ano, a TIM deixou de efetuar esse repasse, e a Brasil Telecom passou a cobrar esse valor dos usuários.

Foram convidados o ministro das Comunicações, Hélio Costa; o superintendente de Serviços Públicos da Anatel, Gilberto Alves; o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), Manoel José dos Santos; o presidente da Federação Catarinense de Municípios, José Milton Sheffer; e o coordenador da Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar de Santa Catarina, Daniel Kothe.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)