Cassilândia, Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019

Últimas Notícias

20/10/2014 12:49

Agora para usar a ponte vai ter que pagar pedágio; aberta licitação

Caroline Maldonado, Campo Grande News
foto de ocorreionewsfoto de ocorreionews

A Seop (Secretária de Estado de Obras Públicas) lançou nesta segunda-feira (20) licitação para selecionar empresa que ficará responsável pelo pedágio da ponte rodoferroviária na BR-436, no trecho em entroncamento com a BR-158. Os serviços serão de recuperação, manutenção, monitoração, conservação operação, melhorias e exploração.

O trecho fica entre o município de Aparecida do Taboado, onde tem início da ponte rodoferroviária e Santa Fé do Sul, cidade do Estado de São Paulo, que faz divisa com MS, onde termina a ponte. A abertura da licitação foi anunciada na página 28 da edição de hoje do DOE (Diário Oficial do Estado).

A licitação é organizada pela Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) e CLO (Coordenadoria de Licitação de Obras). De acordo com a publicação, terá vantagem na concorrência a empresa ou consórcio que apresentar menor valor da Tarifa Básica de Pedágio.

Antes da determinação para a exploração do trecho da BR-158, o Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte) era o responsável pela manutenção da ponte, inaugurada em 1998. Em 2011, a ponte rodoferroviária passou a integrar o PNV (Plano Nacional de Viação), para receber recursos regulares para manutenção e melhorias.

Em junho de 2014, o governo do Estado assumiu a manutenção da ponte rodoferroviária. A parte rodoviária da ponte leva o nome do deputado Roberto Rollemberg e a ferroviária o do senador Vicente Vuolo, ambos falecidos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 18 de Setembro de 2019
Terça, 17 de Setembro de 2019
09:00
Santo do Dia
Segunda, 16 de Setembro de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)