Cassilândia, Segunda-feira, 19 de Outubro de 2020

Últimas Notícias

06/07/2020 13:45

Agora é oficial: Prefeitura baixa decreto regulamentando velórios na Pandemia

Decreto nº 3.519 de 06 de julho de 2020 deverá ser publicado amanhã, no Diário Oficial do Município de Cassilândia.

Redação
Agora é oficial: Prefeitura baixa decreto regulamentando velórios na Pandemia

O Prefeito Jair Boni Cogo assinou hoje o Decreto 3.519 de 06 de julho de 2020, regulamentando a realização de velório e sepultamento no Município de Cassilândia, durante o enfrentamento da Pandemia Covid-19, conforme teve acesso o Cassilândia Notícias. 

É bom destacar que houve a divisão, no próprio Decreto, de duas situações: a primeira, quando se tratar de velório de pessoa que não faleceu em decorrência da Covid-19 (disposto no artigo 1º) e, a segunda, em se tratando de velório de pessoa que faleceu com Covid-19 e/ou com suspeita (descrito no artigo 2º).

Conforme apurou o Cassilândia Notícias, no primeiro caso (óbito sem confirmação e/ou suspeita de Covid-19), o velório fica limitado a 10 (dez) pessoas, com distanciamento entre os presentes de 02 (dois) metros, por um período máximo de 4 (quatro) horas, com obrigatoriedade de realização da cerimônia entre as 7h00 e 17h00. Além de todas as questões de higiene (alcool gel, água e sabonete, etc) que deverá ser disponibilizado pelo responsável, o Decreto prevê que as pessoas consideradas de "grupo de risco", não devem ingressar no local do velório.

Por outro lado, em se tratando de óbito com confirmação e/ou suspeita de Covid-19, as regras para o velório ficarão mais rígidas. Uma vez realizada a preparação do corpo pela prestadora de serviço, o mesmo deverá seguir diretamente para sepultamento e/ou cremação, sem a realização da cerimônia de velório, estando proibida a realização de qualquer procedimento de somatoconservação (tanatopraxia, embalsamento ou formolização). Nesses casos, o caixão deve, obrigatoriamente, ser fechado pela funerária e as tarraxas retiradas, não podendo mais ser aberto. Finalmente, a família poderá optar por realizar uma breve despedida de, no máximo, 20 minutos, junto ao local do sepultamento, desde que o espaço em questão seja ao ar livre, não sendo permitida a presença de mais de 10 (dez) pessoas. 

Ainda segundo o Decreto, demandas religiosas específicas deverão ser previamente acordadas junto à Secretaria Municipal de Saúde.

O Decreto entrará em vigor assim que for publicado, conforme ordem inserida no artigo 4º e vigorará até existir a situação de emergência reconhecida pelo Decreto 3.486/2020.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 19 de Outubro de 2020
Domingo, 18 de Outubro de 2020
09:00
Santo do Dia
06:54
Curiosidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)