Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

09/05/2006 10:06

Agentes tributários em protesto em frente à governadoria

Inara Silva e Paulo Fernandes/Campo Grande News

Um grupo de ATEs (Agentes Tributários Estaduais) realiza protesto neste momento em frente à Governadoria, no Parque dos Poderes, em Campo Grande. No local, o governador Zeca do PT está reunido com representantes dos servidores públicos para discutir o parcelamento do salário do funcionalismo. Do lado de fora, os agentes tributários querem chamar a atenção do governador e pedem a regulamentação da lei 2144, que regulamenta a profissão e permite que a categoria, assim como os fiscais de renda, fiscalize mercadorias em trânsito. A lei foi aprovada pela Assembléia Legislativa em 2000 e, após questionamento judicial pelos fiscais de renda, mantida pelo tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.
O diretor-executivo do Sindate, Antônio Independente, informou à reportagem do Campo Grande News que em todo o Estado são 1,2 mil servidores da arrecadação estadual. Ele alegou que a regulamentação vai dar agilidade a cobrança tributária, o que, segundo o sindicalista, deve elevar a arrecadação estadual.
Hoje, eles publicaram carta aberta na impressa local endereçada ao governador de Mato Grosso do Sul, Zeca do PT, e esclarecendo a população sobre as reivindicações. No dia 20 os ATEs fazem assembléia-geral e se as reivindicações não forem atendidas pode ocorrer uma paralisação da categoria.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)