Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

19/10/2016 08:40

Agências da ONU querem saber o que os estudantes pensam do ensino

Agência Brasil

Estão disponíveis na internet duas pesquisas de agências da Organização das Nações Unidas (ONU) que pretendem identificar o que os jovens querem aprender e o que pensam da escola onde estudam. A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) conduz o "Diga-lhes o que você quer aprender" e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lançou uma enquete sobre a reforma do ensino médio. Ambos questionários, disponíveis online, são voltados a adolescentes e jovens de 15 a 25 anos.

O "Diga-lhes o que você quer aprender" está na segunda etapa e pode ser acessado na internet, até o dia 30 de outubro. A ideia é que jovens respondam perguntas sobre as aprendizagens que consideram relevantes e pertinentes para repensar e replanejar a educação do futuro. A pesquisa é conduzida pelo Escritório Regional de Educação da Unesco para América Latina e o Caribe (Orealc/Unesco Santiago), junto com outras organizações da região.

A primeira etapa, desenvolvida entre 14 de junho e 14 de julho deste ano, revelou que os jovens querem aprender diversos conteúdos, mas também se abrir a outros saberes e temas pertinentes ao mundo de hoje. Quanto a como querem aprender, os resultados preliminares apontam que querem que isso se dê também além das formas tradicionais de ensino e da escola.

Já a enquete do Unicef é voltada para o ensino médio, tendo em vista a reforma enviada recentemente ao Congresso Nacional por meio de Medida Provisória. Composta de seis perguntas, com respostas objetivas, a enquete quer saber dos estudantes qual a matéria preferida e o que acham que o governo deve fazer em relação a etapa de ensino, por exemplo.

Dados estatísticos

As perguntas são feitas por meio do U-Report Brasil, que gera dados estatísticos que são apresentados a autoridades locais e internacionais para gerar mudança com base na opinião da juventude. No Brasil, vem sendo implementado como projeto piloto desde meados de 2015 e conta com mais de 3 mil participantes. Até o momento, foram lançadas 15 enquetes sobre temas como evasão escolar, violência contra meninas, Olimpíada e eleições.

Há três formas de participar: na página do Ureport Brasil no Facebook, basta mandar uma mensagem por inbox e clicar em Get Started. No Twitter, é só seguir a conta @UreportBrasil. E por SMS, enviar uma mensagem para o número 28428 com a palavra “Entrei”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)