Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

24/02/2016 06:20

Agência reprova 73% de roupas e produtos têxtis em municípios de MS

Campo Grande News

A AEMS/MS (Agência Estadual de Metrologia), Semade (Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico) e delegado do Inmetro, reprovaram 73% das roupas e produtos têxteis vistoriados durante a Operação Especial Verão realizada de 15 a 19 de fevereiro nos municípios de Dourados, Caarapó e Itaporã.

Os técnicos visitaram 39 estabelecimentos e fiscalizaram 1.336 unidades de produtos têxteis. Deste total, 361 foram aprovadas e 975 apresentaram irregularidades. Do total de estabelecimentos visitados, 20 não tinham nota fiscal e foram notificados para comprovar a origem dos produtos. As multas em caso de autuação vão de R$100 a R$ 1,5 milhão.

Roupas femininas, masculinas e infantis foram vistoriadas e foi constatado ausência de inscrição fiscal de fabricante ou importador e ausência da composição, e alguns produtos foram encontrados sem etiqueta.

Operação - A Operação Especial Verão teve por objetivo coibir a comercialização de roupas que ofereçam risco à saúde dos consumidores e conferir se os produtos colocados à venda contêm as informações fiscais e de consumo necessárias e obrigatórias.

Denúncias e esclarecimentos podem ser solicitados à Ouvidoria da Agência, por meio do telefone 0800 67 5220 ou pelo e-mailouvidoria@aem.ms.gov.br.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
06:04
Fotogaleria
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)