Cassilândia, Terça-feira, 17 de Setembro de 2019

Últimas Notícias

04/09/2007 13:44

Aftosa:Governo vai usar polícia para garantir vacinação

Maristela Brunetto e Graciliano Rocha - Campo Grande News

O governador André Puccinelli avisou nesta terça-feira que o Executivo vai usar a polícia onde for preciso para garantir a vacinação do rebanho bovino contra a febre aftosa. O Estado enfrenta duras barreiras comerciais desde outubro de 2005, quando foram registrados novos focos da doença em municípios da região sul.

Hoje foi anunciado o programa "Sanidade Sem Fronteiras", tendo a conscientização do produtor como foco. A verba é federal com as ações realizadas pelo Senar e Famasul, entidades do setor rural. A ação educativa começa por Eldorado, Mundo Novo, Japorã, Itaquiraí e Iguatemi e posteriormente Amambai, Sete Quedas, Paranhos, Tacuru, Coronel Sapucaia, Aral Moreira, Ponta Porã, Antônio João, Bela Vista, Caracol, Porto Murtinho e Corumbá.

Puccinelli citou o trabalho educativo como prioritário para o Estado chegar ao status de área livre da aftosa sem doença, mas reforçou o uso da força quando necessário. “Nós vamos vacinar a mãe de quem não vacina, o pai, o cachorro que toca a boiada e o gado inclusive”, disparou.

O uso da força virá através da Secretaria de Justiça e Segurança Pública e DOF (Departamento de Operações de Fronteira), disse.

Comportamento difamatório- O governador aproveitou ainda a solenidade com representantes do setor rural, na Governadoria, para dizer que o Estado foi alvo de denúncias anônimas de focos, feitas ao Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) e à OIE (Organização Internacional de Epizootia). Ele não fez referência a nomes, mas classificou de comportamento difamatório.

Os supostos focos, informou, seriam em Paranaíba, Corguinho e Ponta Porã. Segundo Puccinelli, houve investigação com equipes do Mapa e nada foi provado. O governador disse que quem faz isso “joga contra o estado”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 17 de Setembro de 2019
Segunda, 16 de Setembro de 2019
Domingo, 15 de Setembro de 2019
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)