Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/11/2004 14:45

Aftosa:Carentes terão vacina gratuita para imunização

Agência Goiana de Comunicação

A Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa) vai fornecer, gratuitamente, 10 mil doses de vacina contra a febre aftosa a comunidades carentes no Estado, como forma de evitar o surgimento de focos da doença nos rebanhos bovinos nesses núcleos. Segundo o presidente da Agrodefesa, Maurício Farias, técnicos da Agência vão realizar a vacinação assistida nessas comunidades e emitir o atestado de imunização do gado. Serão beneficiados criadores da região dos calungas, no norte goiano, assentamentos de trabalhadores rurais, Colônia Santa Marta e Agência Prisional, entre outros que não podem comprar o produto.

As vacinas foram repassadas à Agência pelos próprios fabricantes, visando a complementação das unidades que foram entregues para a realização da segunda etapa da campanha de imunização contra a aftosa em Goiás, iniciada dia 28 de outubro. Maurício Farias disse que já foram vacinados cerca de 40% do rebanho bovino no Estado. Conforme enfatizou, após o término da campanha, no final deste mês, será feita uma operação arrastão, para checar a cobertura vacinal em todo o Estado. Ele avisa que o criador que não vacinar seu rebanho será multado e poderá ter a propriedade interditada, até que seja feita a imunização do gado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)