Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/11/2005 13:57

Aftosa: prefeitos pedem criação de corredores sanitários

Humberto Marques / Campo Grande News

Foi realizada na manhã de hoje, em Eldorado, uma reunião entre prefeitos de municípios que fazem parte da “zona tampão” criada para conter os focos de febre aftosa em Mato Grosso do Sul e o secretário de Defesa Agropecuária do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), Gabriel Maciel, para discutir a situação de emergência vivenciada por essas cidades. Também participaram do encontro do secretário de Produção e Turismo, Dagoberto Nogueira Filho, e o diretor-presidente da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), João Cavalléro. Dentre os pleitos apresentados, estava a criação de corredores sanitários, para que o gado de outras regiões possa ser abatido e, com isso, os frigoríficos da região possam voltar a abater. A prefeita de Itaquiraí, Sandra Cassone (PT), também solicitou que os produtores de leite sejam indenizados pelas perdas com a queda do preço do produto.

Um grupo interministerial criado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve apresentar o resultado oficial da reunião no dia 9 de novembro, em Campo Grande, durante reunião com o governador Zeca do PT. No dia seguinte, o grupo estará em Japorã, para discutir uma saída para a crise do setor pecuário, segundo informou a Agência Popular de Notícias.

Indenizações – Hoje, começaram a ser pagas as indenizações aos produtores rurais que tiveram seus rebanhos abatidos durante as ações de controle da febre aftosa. José Vezozzo, proprietário da fazenda Vezozzo, recebeu nesta sexta-feira 50% dos R$ 313 mil a que tem direito, pelo abate sanitário de seu rebanho. A primeira parcela foi paga com recursos do Fesa (Fundo Estadual de Saúde Animal), e o restante, de acordo com Dagoberto Nogueira, será repassado a ele na semana que vem, pela SFA (Superintendência Federal de Agricultura) – também responsável pelas demais indenizações.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)