Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/11/2005 07:08

Aftosa: Paraná não deve ter doença, defende Rodrigues

Humberto Marques/Campo Grande News

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues, informou ontem que o Estado do Paraná pode não contar com focos de aftosa em seu território. A afirmação foi feita durante seminário sobre subsídios para a agricultura mundial, proferido em São Paulo. “Eu achava que, dado o fato de os animais terem vindo de Mato Grosso do Sul, região afetada pela aftosa, e pelos sintomas visuais apresentados, havia uma grande chance de haver aftosa [no Paraná]. Mas os exames estão mostrando que, até agora, não é aftosa”, disse o titular do Mapa.

O ministério quer evitar qualquer hipótese de erros na avaliação. Por isso, os exames têm sido feitos com as vísceras dos animais. Rodrigues defende que a informação a ser fornecida deve ter “credibilidade absoluta”. O ministro informou, ainda, que a aparição da aftosa no Brasil foi uma dura lição e representou perdas de mercado, emprego e renda, e defende o repasse de mais recursos por parte da União para aparelhar laboratórios.

Europa – O governo federal aguarda o relatório emitido por europeus que estiveram, há cerca de dois meses, visitando os processos de cadeia de carne no Brasil. O temor é de que, com a febre aftosa, as exigências daquele mercado tornem-se maiores. O Mapa está contratando 610 técnicos de nível médio para o serviço sanitário, além de outros 210 com nível superior. Porém, o trabalho principal fica nas mãos das missões ao exterior, que deverão convencer os importadores de que as medidas sanitárias necessárias já foram todas tomadas. Com informações do jornal Folha de S. Paulo.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)