Cassilândia, Domingo, 24 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

29/01/2007 13:15

Aftosa faz MS vetar boi, carne e leite da Bolívia

Fernanda Mathias / Campo Grande News

O Brasil já está formalmente notificado sobre foco de febre aftosa na Bolívia, segundo informou o secretário de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Gabriel Alves Maciel. O superintendente federal de Agricultura em Mato Grosso do Sul, Orlando Baez, afirma que já estão sendo adotadas medidas para proibir o trânsito de animais, carnes e leite do País vizinho para o Estado através de postos em Corumbá, em Ponta Por㠖 que está na linha de fronteira com o Paraguai – e através do monitoramento do Rio Paraguai. O Paraguai, por sua vez, informou
também que está vetando a entrada dos produtos bovinos bolivianos em seu território.

Baez afirma que além da medida que o Brasil está baixando para proibir entrada de animais bolivianos, a Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) deve baixar outra no mesmo sentido e mobilizar pessoal para a fiscalização na região. Conforme reportagem da Agência Estado, o caso é o primeiro em três anos e meio na Bolívia e foi diagnosticado no leste do país.

Esta manhã, porém, não havia ainda intervenção na região de fronteira com Corumbá. O trabalho de fiscalização deve começar amanhã.

Justamente para proteger a fronteira, o governo editou recentemente portaria obrigando a vacinação de bezerros nas fronteiras com Paraguai e Bolívia em fevereiro. Em outubro do ano passado o Estado diagnosticou casos de febre aftosa em Eldorado, Japorã e Mundo Novo, na fronteira com o Paraguai. Com isso, ainda luta para recuperar mercados, porque perdeu 83% de suas exportações de carne bovina.

O foco é identificado exatamente na mesma semana em que a sanidade animal do rebanho do Estado será avaliada em Paris, pela Organização Internacional de Epizootias. A reunião será no dia 31.

(Colaborou Rosana Nunes, do Corumbá On Line).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 23 de Setembro de 2017
Sexta, 22 de Setembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)