Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/10/2005 14:01

Aftosa: Bolívia monta barreiras na fronteira com MS

Marcelo Fernandes, do Corumba Online
Fiscais sanitários borrifam veneno contra vírusCorumba OnlineFiscais sanitários borrifam veneno contra vírusCorumba Online

O Ministério de Assuntos Campesinos e Agropecuários, da Bolívia, proibiu a entrada de carne bovina brasileira no País. O governo boliviano ainda determinou a montagem de barreiras sanitárias na fronteira com Corumbá, no Pantanal de Mato Grosso do Sul. As medidas – que entraram em execução nesta quinta-feira (13) – devem durar quinze dias e foram originadas pela descoberta de um foco de febre aftosa na cidade sul-mato-grossense de Eldorado.

Fiscais sanitários, acompanhados da Polícia do Exército, fiscalizam a entrada de veículos em território boliviano. Uma barreira sanitária, montada na cidade de Arroyo Concépcion, logo após o cruzamento da fronteira, é responsável pela borrifação de veneno, contra um possível vírus da aftosa, em carros; motos; caminhões; ônibus e bicicletas.

Militares do Exército também ocupam, segundo relatos da equipe que realiza a inspeção sanitária em Arroyo Concépcion, postos estratégicos ao longo da zona fronteiriça com Corumbá para impedir a entrada de veículos brasileiros que tenham carne bovina como carga. O embargo preventivo, inicialmente por quinze dias, pode ser ampliado para trinta dias, informou, ao Corumbá On Line, o inspetor do Ministério local, William Mendez.

Uma comissão do Ministério de Assuntos Campesinos e Agropecuários está na região de Arroyo Concépcion e deve ser reunir com autoridades e pecuaristas brasileiros para discutir as medidas adotadas pelo governo da Bolívia.

A região boliviana da Chiquitania, área que faz divisa com o município corumbaense tem rebanho com status de liberado com vacinação, concedido pela Organização Internacional de Epizootias (OIE), assim como o rebanho bovino de Corumbá.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)