Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/10/2015 10:58

Advogado critica argumento usado por Gaeco para pedir prisão de empresário

Paulo Yafusso, Campo Grande News

O advogado Benedicto Arthur de Figueiredo Neto questiona o argumento usado pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) para o pedido de prisão temporária do empreiteiro João Alberto Krampe Amorim dos Santos, dono da Proteco. Segundo ele, o pedido foi fundamentado no fato de Amorim se recusar a falar sobre as escutas telefônicas feitas na Operação Lama Asfáltica, em que ele foi pego em várias conversas tratando da cassação do prefeito Alcides Bernal (PP), ocorrida em março do ano passado.

 

“É um verdadeiro atentado contra o estado democrático, qualquer um tem o direito de permanecer calado”, afirmou, acrescentando ainda que foi negado a Amorim o direito constitucional a ampla defesa. Benedicto de Figueiredo disse que no momento oportuno vai entrar na Justiça para desqualificar as escutas telefônicas usadas pelo Gaeco na investigação.

No entendimento do advogado, o Gaeco não poderia usar as escutas que foram feitas pela Polícia Federal, autorizadas pela Justiça Federal. Segundo ele, como se trata de investigação e decisão da Justiça de outra esfera, as escutas do Lama Asfáltica não podem fundamentar as ações do Gaeco.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)