Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/02/2007 07:47

Acusados de roubo de agência do BB continuarão presos

STJ

O vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Francisco Peçanha Martins, negou pedido de liminar em habeas-corpus a José Erivaldo Gomes e Erivan Gomes dos Santos, que pretendiam obter o relaxamento da prisão cautelar. Os dois foram presos em flagrante, em junho do ano passado, após roubarem uma agência do Banco do Brasil S/A, em Ubaíra (BA). Além da acusação de furto qualificado, eles respondem, ainda, pelo crime de formação de quadrilha ou bando.

No STJ, José (Ligeirinho) e Erivan (Alemão) impetraram habeas-corpus contra decisão do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ/BA) que indeferiu liminar em outro habeas-corpus sustentando que “a prisão cautelar tem a função de acautelar o meio social, buscando retirar do convívio social sujeitos propensos a práticas delituosas, como é o caso dos ora pacientes (José e Erivan), que, uma vez soltos, provavelmente, pelas informações acostadas, continuarão a praticar crimes dessa natureza”.

No pedido de liminar, a defesa dos dois alegou coação ilegal, inexistência de sentença, motivação legal para morosidade processual, além de excesso de prazo.

Em sua decisão, o ministro Peçanha Martins sustentou que, no presente caso, o acórdão impugnado deixou assentado que não houve falta de zelo do magistrado na condução do processo. O ministro destacou, ainda, que o impetrante não fez juntar aos autos a cópia do inteiro teor do parecer do Ministério Público local ao qual faz referência o voto condutor do acórdão proferido pelo TJ/BA, não havendo como constatar a presença da fumaça do bom direito de modo a permitir a concessão da liminar.


Autor(a):Marcela Rosa

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)